Por Shirley Rodrigues
Em 22/04/2017

Em Baixa
* O clima é de guerra civil em toda a Venezuela desde o último dia 19, quando foi realizada a chamada “Mãe das Marchas” em Caracas e nas principais cidades do país. O Governo tem reprimido as manifestações com as Forças armadas, Guardia Nacional e Milícias. Franco-atiradores já mataram e feriram à bala várias pessoas. Veículos de comunicação foram censurados e centenas de opositores foram presos e torturados. Mas infelizmente, Nicolás Maduro não deixará o poder sem mais sangue.
 
Em Alta
* A Agência Roraima Model está selecionando homens e mulheres de 25 a 40 anos de Roraima, para participarem do elenco de uma peça publicitária sobre turismo, que será gravada aqui no estado. A filmagem é exclusividade do Ministério do Turismo e será realizada dia 6 de maio, para veiculação nacional em todas as mídias. Interessados devem enviar e-mail para:  agenciaroraimamodeleeventos@gmail.com. Informações: (95)98121-0028 (whatsapp) ou www.agenciaroraimamodel.com.

Robson Pereira com seu amigo de Brasília, Dirceu Martins Batista Junior, que está visitando nossa cidade

Importante
* A Assembleia Legislativa deverá encaminhar um documento com proposta de revisão da Lei 1.157/2106, que trata de taxas cartorárias, para o Tribunal de Justiça do Estado, sugerindo o que poderia ser modificado, com base nas demandas apresentadas pelos vários segmentos da sociedade.
* Foi o que ficou definido em reunião ocorrida entre deputados estaduais e a presidente do Poder Judiciário, a desembargadora Elaine Bianchi, no TJRR, com a presença de 12 parlamentares, inclusive do presidente da Casa, deputado Jalser Renier.
 
Importante II
* A propósito, com relação à questão das taxas cartorárias, a Assembleia Legislativa está pedindo, de acordo com o presidente da Casa, deputado Jalser Renier, que o TJ possa rever a decisão de forma que ninguém saia perdendo.
* Ainda segundo Jalser, os parlamentares encontraram por parte da presidente do TJRR, desembargadora Elaine Bianchi, a vontade de que isso aconteça. Ele acrescentou que, na próxima semana, a Assembleia vai continuar ouvindo os segmentos da sociedade.
 
Arraial
* A abertura oficial do São João 2017 aconteceu nesta quinta-feira, dia 20 de abril, na Praça Germano Sampaio, com o 1° Arraial da região norte, o Esquenta Junino, que vai até domingo, 23.
* Serão mais de 30 atrações como apresentação de quadrilhas, grupos de boi, ciranda e escolha  da rainha caipira. O vereador professor Linoberg Almeida  apoia estas quadrilhas por considerar  uma manifestação folclórica que representa um Patrimônio Cultural da cidade.

Helane Freire e Núbia Abrantes, em clic exclusivo para a Coluna

Imposto
* Neste sábado, 22, das 9h às 17 horas, acadêmicos e professores do curso de Ciências Contábeis do Centro Universitário Estácio da Amazônia promovem mais um plantão para atendimento para o Imposto de Renda.
* O atendimento será no prédio do Núcleo de Práticas Jurídicas (NPJ), no campus da Estácio, no bairro União. Os contribuintes devem levar uma lata de leite em pó que será doada a entidades filantrópicas.
 
Bolinhas
* O Pátio Roraima pretende trazer pra Boa Vista o Castelo das Bolinhas, com mais de 300 mil bolinhas coloridas, formado por torres, escorregadores e tobogãs.
* A novidade é inédita em Roraima e vai funcionar de segunda a sábado, das 10h às 22h, e domingos e feriados das 12h às 20h, e o melhor de tudo: adultos também podem brincar! A atração ficará disponível na Praça de Eventos do Pátio Roraima até final de julho.

 A tenente médica Tatiane Rodrigues de Jesus, da Base Aérea de Boa Vista, foi homenageada por seu comandante, por se destacar no acampamento de sua turma

 Trânsito Livre 
* Inaugurando idade nova neste sábado Dr. Erick Linhares, Paulo Thadeu Franco das Neves e Sheila Ribeiro.
 * Domingo quem troca de data é a deputada Lenir Rodrigues (mana da Colunista), Idalmir Cavalcanti, Chico Rodrigues, Felipe Almeida e Jamim Moura.
* Após um longo período residindo em Brasília, Sônia e Salin Mustafá Barbosa estão de volta à Boa Vista. Sejam bem-vindos!
 * É hoje que a nossa renomada chef Kalú Brasil estará no programa nacional da Globo, “É de Casa”.


Perfil

Enzo Botinelly: “Graças a Deus sempre trago resultados positivos e inéditos para o esporte roraimense”

Enzo Botinelly, filho do casal Elton Castro e Marcela Botinelly, é um dos atletas roraimenses de maior destaque do momento. Aos seis anos começou a treinar jiu-jítsu e, depois de cinco anos, tem demonstrado que é bom na modalidade esportiva que escolheu. Após várias conquistas, ganhando medalha de ouro, como na II Copa IKHON de Jiu-Jitsu, no Roraima Open Internacional de Jiu-Jitsu 2016, entre outras competições, o jovem volta dos Emirados Árabes com o título máximo do Abu Dhabi World Jiu-Jitsu Festival 2017, torneio realizado neste mês de abril. Enzo é aluno da Escola Colmeia, onde cursa o 6º ano, e pretende fazer faculdade de Direito.

*Como é sua vida de atleta?
Minha vida de atleta se divide em treinar e me alimentar corretamente, principalmente quando vou me preparar para um campeonato. Depois de focar o campeonato que quero competir, inicio um treinamento bem focado, sempre com meu pai me auxiliando.

*Como começou seu interesse pelo Jiu-Jitsu?
Percebi que queria me dedicar ao jiu-jítsu quando vi meu pai lutando e vencendo um campeonato roraimense. Em seguida ele me inscreveu na Copa Macuxi em 2012 e venci a primeira competição que disputei, depois disso nunca mais parei de treinar e competir.

*Como você se prepara para as competições?
Como já mencionei, depois de decidir o título que desejo conquistar, começo um treino específico, que dura de 30 a 60 dias. Intensifico os treinos para cinco vezes por semana, com duas horas de duração. E vejo em qual categoria de peso vou lutar e assim faço uma dieta específica pra ficar sempre no limite da categoria, pois, caso contrário, fico mais forte.

*E como concilia os estudos com os treinos?
Com muita disciplina e dedicação eu consigo equilibrar os dois. Dou a prioridade certa pra cada um e assim nenhuma atividade chega a atrapalhar a outra. Gosto de estudar e tirar boas notas na escola.

*Depois de ser campeão em Los Angeles e em Abu Dhabi, qual será a próxima competição que você participará?
Eu estava inscrito pra lutar o Campeonato Brasileiro 2017 que acontece dia 23 de abril em Barueri-SP, estava com a passagem comprada e hotel pago. Mas depois da conquista desses dois ouros mundiais inéditos na categoria kids, decidi com meu pai que poderíamos buscar esse título ano que vem, devido ao cansaço físico e psicológico da viagem pra Abu Dhabi. Esse é um título que ainda não tenho e quero ser campeão brasileiro ano que vem.

*Qual a principal dificuldade que um atleta enfrenta para participar de competições fora do Estado?
Com certeza a dificuldade de achar parceiros que invistam financeiramente no atleta é a maior dificuldade. Vi meu pai e minha mãe durante dois meses falarem com empresários, vereadores, deputados, governadora, prefeita e, depois de milhares de "nãos" e alguns "sims" e da realização de uma feijoada bem sucedida, eu consegui embarcar pra Abu Dhabi e trazer duas medalhas de ouro para Roraima.

*Você pretende treinar fora do Brasil, como fazem outros atletas brasileiros?
Bom, eu e meu pai já pensamos sobre isso, sei que daqui a um tempo precisarei estar treinando com grandes atletas que hoje vivem fora do Brasil, para buscar melhorar meu conhecimento técnico e físico para competir nas próximas categorias juvenil e adulto. No momento certo, a vida vai nos mostrar qual será o melhor caminho a percorrer. Enquanto isso, vou curtindo treinar aqui perto dos meus amigos e da minha família.

*O que você vai ser quando crescer?
No momento não faço ideia de uma profissão que eu queira seguir, caso eu não siga a carreira de lutador. Meu pai é policial e formado em Direito pela Universidade Federal de Roraima e minha mãe é formada em Administração pelo Centro Universitário Estácio da Amazônia, uma grande empresária. Pode ser que eu siga um desses dois caminhos.

*Que conselho daria a outros meninos que, como você, pensam em se tornar campeões internacionais?
Meu conselho é que não desistam dos seus sonhos e treinem duro para se tornarem bons competidores. Tenham sempre fé em Deus que tudo conspira para o sonho se tornar realidade. Meu pai sempre acreditou em mim e disse que eu sempre conseguiria ser um grande lutador, bastava me dedicar e seguir os seus ensinamentos dentro e fora do tatame. Deu certo.

*Como tem sido conseguir patrocinadores para ajudar nas competições fora de Roraima?
Apesar das dificuldades, meu pai e minha mãe sempre conseguem encontrar os parceiros certos para investir nas competições fora de Roraima. Eles sabem apresentar o meu potencial no jiu-jítsu como um excelente veículo de divulgação. E graças a Deus sempre trago resultados positivos e inéditos para o esporte roraimense. Todos ficam extremamente satisfeitos. Para viajar e competir nos Emirados Árabes, contei com o apoio importante do Dr. Haroldo Campos (Faculdade Cathedral), Lojas Perin, Prefeitura de Boa Vista, deputado estadual George Melo, Renan Bekel Filho e da LemansRent a Car. Sem eles, teria sido bem complicado. Obrigado a todos!

Comentários
Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!