Por José Maria Neto
Em 30/06/2017

MINISTÉRIO PÚBLICO DA UNIÃO (MPU) LANÇARÁ SEU CONCURSO EM BREVE

Nas últimas semanas o Ministério Público da União nomeou mais de 300 aprovados no seu último concurso, entre cargos de técnico (nível médio) e analista (nível superior).

Com isso, cresce a expectativa em relação à finalização dos trabalhos da comissão responsável pela definição da comissão organizadora e confirmação da data de abertura oficial do processo seletivo de 2017 (já confirmado através de portaria do Procurador Geral da República).

As nomeações/convocações ocorreram em razão da finalização do processo de remoção interna, que definiu mais de 400 cargos vagos por todo o país, sendo a maioria para as carreiras de técnico (área administrativa) e analista (direito). Esse processo ocorreu em maio e é considerado o primeiro passo para viabilizar o concurso MPU 2017.

Com a posse dos novos concursados, as vagas a serem disponibilizadas no futuro concurso serão efetivamente definidas e o Órgão poderá ter certeza das demandas de pessoal de cada uma das suas unidades espalhadas pelo território nacional.

O futuro concurso do MPU, a ser lançado ainda no ano de 2017, é uma excelente oportunidade para quem possui nível médio completo. Isso porque além do status de atuar no maior órgão de fiscalização do país, os servidores têm direito a muitos benefícios, que fazem do MPU o emprego dos sonhos. Só para se ter uma ideia, o cargo de técnico-administrativo, de nível médio, possui uma remuneração inicial de aproximadamente R$ 8.000,00, enquanto os cargos de nível superior, analista, recebem em média R$ 12.000,00 iniciais.

Além das ótimas remunerações, os servidores concursados são beneficiados com a sonhada estabilidade funcional assegurada pelo regime estatutário aos funcionários daquele Órgão. Ainda, recebem auxílio-alimentação, de R$ 884, auxílio-transporte (variável de acordo com a localidade) e assistência pré-escolar de R$ 699.

Caso este certame tenha despertado a sua atenção, recomenda-se o início imediato dos estudos, já que estamos falando de um concurso de altíssimo nível. O ideal é que se comece pelo o edital do concurso MPU de março de 2013 (edital de técnico administrativo, analista na área de direito e administrativo), que deverá trazer poucas alterações no deste ano.

A última prova do MPU foi realizada pelo CESPE, no estilo “certo” e “errado” para cada questão abordada. Foram 120 questões dividas da seguinte forma:

•    50 de conhecimentos básicos (Língua Portuguesa, Noções de Informática e Legislação Aplicada ao MPU e ao CNMP, dependendo do cargo/área);

•    70 de Conhecimentos Específicos.

A importância de iniciar os estudos imediatamente se dá pelo alto nível da prova e da grande concorrência esperada. Só para se ter uma ideia, no último concurso foram quase 300 mil inscritos, sendo a maior parte para técnico. Isso em um período em que o Brasil estava bem “das pernas”. Imagine, hoje, no período de crise em que o desemprego está batendo recordes!

Apesar da concorrência ser alta, o MPU costuma nomear muitos servidores para seus quadros. Isto porque o Órgão possui várias ramificações internas (Ministério Público Federal, Ministério Público do Trabalho, o Ministério Público Militar e o Ministério Público do Distrito Federal e Territórios) e há grande demanda por novos servidores. Assim, apesar de inicialmente trazer vagas limitadas, ao longo dos quatro anos de validade do concurso, muitos servidores devem ser nomeados. Só para se ter uma ideia, o último concurso já nomeou mais de 4 mil candidatos aprovados.  

Bom, depois dessas breves palavras, acredito que você já tem elementos suficientes para tomar uma decisão e mudar a sua vida. Tenha um ótimo final de semana.

A fim de melhor ilustrar a concorrência das últimas provas aplicadas, confira, a seguir, um histórico dos últimos certames realizados pela instituição:

_______________________

HUMO

______________________

  #FIQUE LIGADO  
AGENTE PENITENCIÁRIO DE RORAIMA

A ALE aprovou semana passada o novo PCCR dos AGEPENS. Esse era o ponto que faltava para que o governo pudesse elaborar e lançar o aguardado edital do concurso.

Em entrevista à Folha de Boa Vista, o presidente do sindicato dos AGEPENS afirmou que espera que "a governadora sancione o quanto antes e não vete as emendas que foram incluídas neste plano, pois são emendas importantes que trarão garantias à carreira e também abrirá a possibilidade para realização de concurso público no Estado para agentes”. O novo plano estabelece uma remuneração média inicial de R$ 5.000,00 e uma escala de trabalho que poderá ser ampliada de 24/72 para 24/96, ou seja, o agente cumpre uma jornada de 24 horas e folga quatro dias. A escolaridade exigida para o cargo continuará sendo de nível médio e não há limite de idade para assumir o cargo.

- CODESAIMA
A CODESAIMA informou que a previsão para o lançamento do edital do concurso público é para a segunda quinzena de julho. A estatal roraimense já havia formado a comissão com finalidade de fazer levantamento da necessidade de contratação e, finalizado os trabalhos, já possuem o quantitativo exato que será disponibilizado no futuro edital. A banca selecionada foi a UERR. Aguardem novidades em breve.

- IBGE
O IBGE publicou a lista com o número total de inscritos do seu primeiro concurso do ano de 2017. No total, são disputadas 1.039 vagas em todo o país. De acordo com os números divulgados, o cargo mais concorrido foi o de agente censitário administrativo. Em Roraima foram registradas 666 inscrições para este cargo. A lista completa com todos os cargos pode ser acessada no seguinte link: http://goo.gl/Siywem

- ABIN
A Agência Brasileira de Inteligência (Abin) já confirmou a oferta de vagas do seu pedido de novo concurso público, encaminhado no final de 2016 para o Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão (MPDG), antigo Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG). A solicitação é para a realização de concurso com 730 oportunidades, sendo 200 para cargos com exigência de ensino médio e 530 para nível superior, com remunerações iniciais de até R$ 15.461,80.  

- VESTIBULAR UFRR
Já está disponível para consulta o edital do vestibular 2018 da Universidade Federal de Roraima (UFRR). O Manual do Candidato também está disponível no mesmo link: www.ufrr.br/cpv De acordo com a Comissão Permanente de Vestibular (CPV), serão ofertadas 811 vagas em 38 cursos de graduação. As provas estão marcadas para o dia 26 de novembro, no horário das 8h às 13h.

___________________________

#NOVIDADE



O Meta Cursos realizará, no próximo dia 8/7, o seu aulão inaugural em homenagem ao lançamento de seu pré-vestibular. Participem!

_____________________________

#EUINDICO

Sem dúvida alguma um dos livros mais utilizados por concurseiros na disciplina de direito constitucional. O bom dessa obra é que ela consegue ser utilizada por todo tipo de público, tanto de nível médio, como de superior, jurídico ou administrativo. Este livro possui uma linguagem acessível e, ao mesmo tempo, de alto nível. Ao final de cada capítulo, o autor Pedro Lenza apresenta esquemas ilustrativos e muitas questões de provas anteriores. Recomendo demais.

José Maria Neto
jornalista@teste.com.br
Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!
Últimas de
Folha Cursos & Concursos
+ Ler mais artigos de Folha Cursos & Concursos