Por José Maria Neto
Em 01/06/2018

A MILHA DE 4 MINUTOS

"Você já ouviu falar da milha de 4 minutos? Atletas e não-atletas de toda parte do mundo tentavam alcançá-la, desde a Grécia Antiga. Os gregos, inclusive colocavam leões atrás de seus corredores para estimulá-los. Pessoas bebiam leite de onça, achando que isso faria com que ficassem mais velozes. Tentaram diversos artifícios, a fim de conseguir a façanha de percorrer uma milha em 4 minutos. Nada adiantou. E então, simplesmente decidiram que era impossível. Que a estrutura óssea humana não estava preparada para tal desafio, que a resistência do ar era muito grande, entre outras justificativas.

E o mundo acreditou, durante milhares de anos, que era, de fato, uma marca inatingível. Até que Roger Bannister, apenas um homem, provou que atletas, treinadores, médicos e outros milhões que tentaram antes dele e não conseguiram, estavam todos errados. E, assustadoramente, apenas um ano depois que o “super-homem” quebrou a marca, outros 37 corredores o fizeram. Dois anos depois, mais de 300 atletas conseguiram o mesmo. Ora, os métodos de treinamento não mudaram muita coisa. A estrutura óssea humana não evoluiu significativamente. Foram as atitudes humanas que mudaram.

É a sua atitude mental que determina o quanto você é capaz. Aja com uma atitude mental positiva, definindo seus objetivos e sabendo que, embora difíceis de serem alcançados, não são impossíveis. Tive um grande mestre, que me fez ser aprovado, aos 16 anos de idade, em 5 dos concursos mais difíceis do Brasil. E ele sempre dizia: “Se você acha que pode, pode. Se você acha que não pode, tem razão”. Na época, meus amigos e familiares diziam ser impossível. Que concurso era armação. Que só passava quem era apadrinhado. E o pior de tudo, sei que diziam isso por gostarem de mim, para evitarem minha possível frustração ao encarar a derrota. E aí entra outra frase célebre de meu mestre: “A derrota só será uma bebida amarga se você concordar em tragá-la”. Ciente disso, dediquei-me integralmente à tarefa de realizar meu sonho de ser um oficial das forças armadas. Embora aprovado, fui eliminado pelo exame de vista. Foi um grande baque, mas tenho ciência de que o conhecimento que adquiri nessa preparação abriu as portas para todas as minhas posteriores realizações, como indivíduo e como profissional.

Faça a sua parte, sem pensar nos resultados que irá colher. A preparação para concursos é árdua, e nem sempre (na verdade, raramente) vai te dar resultados nos primeiros combates. O importante é nunca desistir. Só isso. Se existe uma fórmula mágica para ser aprovado em um concurso, é essa. Não desistir. Estudar até passar, pois a aprovação é inevitável, e chega no tempo certo de cada pessoa. O seu lema deve ser “Concurseiro até virar concursado”. Acredite em si, mesmo quando ninguém mais acredita. E, se o fato de ninguém mais acreditar em você te incomoda ou desmotiva, vamos acabar logo com isso: EU ACREDITO EM VOCÊ!"

- Por Abel Mangabeira (Palestrante, Coach de Concursos e Professor de Matemática, Raciocínio Lógico, Matemática Financeira e Estatística dos principais cursos de RJ, ES, DF, SP, RS, PE, GO, MG e SC. Residindo desde out/2017 em Roraima, é servidor da ALERR e leciona no Meta Concursos. Aprovado em mais de 20 concursos, com duas primeiras colocações).

 #MOTIVAÇÃO 


 #FIQUE LIGADO 

► INSS
O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) reforçou o pedido de abertura de novo concurso público junto ao Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão (MPDG). O documento, encaminhado no início de maio, solicita autorização urgente para o preenchimento de 10.468 vagas, número inferior ao requerido no ano passado, de 16.548 oportunidades. As chances requeridas são para os cargos de técnico do seguro social (6.034 vagas), analista do seguro social (2.222) e perito médico previdenciário (2.212). Tais ofertas são para novo certame e a convocação de remanescentes. Fonte: JC Concursos.

► DIPLOMATA
O Ministério das Relações Exteriores (MRE) deve divulgar, em breve, ainda neste semestre, o edital do seu novo concurso para a carreira de diplomata do Instituto Rio Branco. A liberação do documento depende apenas da confirmação da banca organizadora, que deve ser anunciada nos próximos dias. Normalmente, os concursos para a carreira contam com uma oferta de 30 vagas e para concorrer é necessário possuir formação de nível superior em qualquer área de formação. A remuneração inicial da carreira é de R$ 17.393,40, já considerando R$ 458 de auxílio-alimentação.

► IFRR
Na edição do último dia 16 de maio, saiu no Diário Oficial da União (DOU) uma portaria que autoriza a contratação de 1.205 servidores para o Ministério da Educação (MEC), que ocorrerá por meio de novos concursos e seleções em andamento. Do total de oportunidades, 810 são para professor e 395 para técnico administrativo em educação.
As vagas para técnico estão distribuídas entre os seguintes cargos: técnico de laboratório, técnico de tecnologia da informação, fonoaudiólogo, nutricionista, analista de tecnologia da informação, técnico em assuntos educacionais, técnico em agropecuária, administrador, tecnólogo, auditor, engenheiro, relações públicas, médico, engenheiro agrônomo, enfermeiro, estatístico, arquivista, assistente social, bibliotecário-documentalista, contador, jornalista, pedagogo, programador visual, técnico em alimentos e laticínios, técnico em edificações, técnico em enfermagem, técnico em química, técnico em audiovisual, arquiteto e urbanista, odontólogo e médico veterinário. Para Roraima foram autorizadas 22 vagas. Se preparem, vem aí mais um super concurso.

► POLÍCIA CIVIL
E a novela da Polícia Civil continua. A última novidade foi que a justiça determinou nesta semana que o edital seja lançado dentro de, no máximo, 30 dias.
O Estado deve recorrer dessa decisão, no entanto, a cada dia que passa a cobrança é maior. Esse edital será lançado com certeza ainda este ano. Aguardem novidades em breve e continuem firme nos estudos.

 #REGISTRO 

Prof. Abel Mangabeira fazendo sucesso na TV com o quadro "Se Liga, Concurseiro", que vai ao ar toda quinta no programa Sempre de Bem da TV Imperial.

#FIQUE LIGADO

Um dos tópicos de Legislação Extravagante cobrado no edital da PMRR é a Lei de Racismo. Você sabe o que é racismo?

De acordo com a doutrina e com a Lei n. 7.716/1989, o Racismo implica em uma conduta discriminatória dirigida a determinado grupo ou coletividade e, geralmente, refere-se a crimes mais amplos. Confira na imagem as características constitucionais do crime de Racismo.

José Maria Neto
jornalista@teste.com.br
fabioo disse: Em 01/06/2018 às 08:54:10

"Crime de raciscmo no edital da PM-RR? Dentro da legislação extravagante? 3. LEGISLAÇÃO EXTRAVAGANTE Crimes Hediondos (Lei nº 8.072/1990). Abuso de Autoridade (Lei nº 4.898/1965). Lei de Tortura (Lei nº 9.455/1997). Dos Crimes no Estatuto da Criança e do Adolescente (Lei nº 8.069/1990). Estatuto do Desarmamento (Lei nº 10.826/2003). Crimes contra o Meio Ambiente (Lei nº 9.605/1998). Lei Maria da Penha (Lei nº 11.340/2006). Lei de Drogas (Lei nº 11.343/2006). Investigação Criminal (Lei nº 12.830/2013). Organizações Criminosas (Lei nº 12.850/2013). Cadê?"