Por Denise Rohnelt Araujo
Em 24/06/2017

EDITORIAL

Hoje é Dia de São João, o santo festeiro e padroeiro das festas juninas, que por aqui continuam por todo o mês de junho até o início de julho. Além do milho, um ingrediente que está presente nos pratos das comemorações é a mandioca, a rainha do Brasil.

Nas barracas de comidas típicas sempre tem bolo de macaxeira, farinha de mandioca na paçoca e farofa, bolo podre, bolo de tapioca, tapioca doce e salgada, tacacá, e muito mais.

Um bolo típico do Amazonas e Roraima, feito com a mandioca é Pé de Moleque, que pelo nome leva as pessoas a se lembrarem do doce feito com amendoim, mas aqui no Extremo Norte, é um bolo feito com carimã, enrolado na folha de bananeira e assado sobre o fogo.

O processo da massa do carimã (tupi Karimã) é uma herança indígena, um produto obtido da fermentação da mandioca, também chamada de massa puba. No Nordeste também é muito utilizado e existem duas receitas quilombolas, dos negros que se esconderam nos quilombos, uma que se chama “Pé de Zumbi”, que é parecida com nosso Pé de Moleque feito na folha de bananeira; e o Bolo Preto, que é muito consumido durante os festejos juninos que é feito com carimã, rapadura, leite de coco e castanha de caju.

Essa riqueza de produtos e processos dos indígenas está na cultura alimentar dos amazônidas, instiga muitos chefs de cozinha que se inspiram e desenvolvem novas receitas a partir dessa cultura ancestral.

Para celebrar mais ainda São João e a Rainha do Brasil, a mandioca; a receita é do nosso Pé de Moleque, que originalmente é feito na folha de bananeira, mas podem fazer na forma de bolo se quiserem.
Até o próximo sábado!


RECEITA
Pé de Moleque na folha de bananeira

 INGREDIENTES: 
500g de carimã
375g de açúcar
02 ovos
250 ml de leite de coco
50g de manteiga sem sal ou 50 ml de óleo de girassol
Pitada de sal
Opcional: 100g de coco ralado; castanha do Pará ou de caju; ½ colher de sopa de erva doce.
01 folha de bananeira

 MODO DE FAZER: 
Misture bem todos os ingredientes numa tigela, até ficar uma massa homogênea. Os ingredientes opcionais podem ser colocados no final, pode ser apenas um ou fazer uma mistura com dois ou mais, depende do sabor que escolherem. A receita da foto foi feita apenas com erva doce.

A folha de bananeira dever ser escaldada na água fervente para amolecer, ficar macia. Depois cortar em quadrados de aproximadamente 20 centímetros e algumas tiras para amarrar o pacotinho. Outro truque para amolecer as folhas de bananeira é passar as folhas na chama do fogão, com cuidado para não queimar, até amolecerem.

Colocar a massa do Pé de moleque no centro da folha de bananeira e fechar com outro quadrado de folha ou tentar fechar como pamonha. Levar para assar no forno ou na chapa por 30 minutos.
Se escolher fazer em uma forma, não se esquecer de untar. Em forno pré-aquecido de 180°C por 40 minutos.


NOITE PORTUGUESA NO DOCE CAFÉ BISTRÔ

A proprietária do Doce Café Bistrô, Bruna Sack, convidou a chef Flavia Masiero, do Atelier Culinário Art & Gourmand, para realizar a primeira Noite Portuguesa no dia 1° de julho, às 19h30, com um cardápio especialíssimo com entrada, prato principal e sobremesa por R$ 79,00 por pessoa.

No cardápio como entradas: bolinho de bacalhau com azeite aromatizado ou chouriço flambado com aguardente; para escolher como pratos principais terão Bacalhau à Gomes de Sá ou Arroz de Pato Português. E o jantar será finalizado com Pastel de Belém e Barriga de Freira.

As reservas devem ser feitas pelo telefone (95) 99124-6685, números limitados.

FEIRA DE ORGÂNICOS NO GARDEN SHOPPING

A Associação Hortivida estará todas as quartas-feiras vendendo os mais variados produtos orgânicos no Roraima Garden Shopping, na entrada da academia de ginástica, no horário das 19h30 até o fechamento do local.

Será possível comprar verduras, legumes, açaí, farinhas, queijos, sucos, frutas, iogurte natural, coalhada e muito mais. Mais um endereço para comprar produtos saudáveis, orgânicos, de pequenos produtores. Prestigiem!

FOOD SAFARI PARA A FEIRA MISTURA NO PERU.

O chef sul mato-grossense, Paulo Machado, está com vagas para mais uma viagem gastronômica superinteressante, que será de 06 a 10 de setembro, no feriado da Independência, para Lima no Peru, durante a maior Feira de Gastronomia da América Latina, Mistura, que completa dez anos com muitas atrações.

Estive participando ano passado de algumas atividades do grupo Food Safári, do chef Paulo Machado, e de sua sócia, Pollianna Thomé, da agência Bravo Expeditions (MS), eles levaram cerca de 20 profissionais para a Feira Mistura. O grupo esteve nos principais restaurantes de Lima, como: Central, do chef Virgilio Martinez; Ámaz, do chef Pedro Schiaffino, de cozinha Amazônica; e Osso Carniceria; visitaram a Feira Mistura por dois dias; conheceram a Casa da Gastronomia Peruana, um museu dedicado à cultura alimentar peruana; o mercado público para conhecer os ingredientes peruanos; e ainda tiveram uma aula de ceviches com o chef Pedro Schiaffino, no restaurante Malabar, que foi um dos pontos altos da viagem, na aula além de colocarem a mão na massa, puderam degustar todos os pratos e aprenderem o famoso drink Pisco Sour.

Recomendo aos amantes da boa mesa, aos pesquisadores e professores de gastronomia e principalmente aos estudantes que participem dessas viagens direcionadas para a pesquisa, com quem entende do assunto como o chef Paulo Machado. Informações sobre as viagens gastronômicas Food Safári, e-mail: foodsafaris@bravoexpeditions.com ou pelo telefones: (67) 3325-6807 / 9982-2708

Denise Rohnelt Araujo
jornalista@teste.com.br
http://meusite.com.br
Aqui ficará as informações sobre o colunista e a coluna.
Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!
Últimas de
Letras Saborosas
+ Ler mais artigos de Letras Saborosas