Por Francisco Cândido
Em 09/05/2018

MÃE
Fonte de Luz, Amor, Vida e Esperança.

A mulher concebe e o homem não. E aí esta a fundamental diferença. DEUS delegou a ela o dom de reproduzir a vida. A mulher acima de tudo é MÃE. E não há palavra mais bela, mais suave e mais plena de conteúdo que os lábios humanos sejam capazes de pronunciar; ao mesmo tempo significa o consolo da aflição, a luz na desesperança, a força na derrota; é o peito onde reclinamos nossa cabeça, a mãe que nos abençoa, o olho que nos protege.

Quer o destino que nossas Mães cruzem os portões do infinito antes que nós o façamos. E assim, por sabedoria de Deus, aprendemos a transferir todo o seu significado para nossas mulheres, que são mães de nossos filhos, e para nossas filhas que serão mães de nossos netos. Este é o sentido de nossa existência. E, assim caminha a humanidade há séculos.

Mães Xirianas, Macuxis, Taurepangs, Yanomamis, Wapixanas, Aruaques, Angaricós, Jaricunas, Maiogongs, Paravianas, Uaicás, Wai-Wais, Uaimiris, Atroaris.

Mães roraimenses, roraimeiras e roraimadas. Mães amazonenses, nordestinas, capixabas, cariocas, paulistas, mato-grossenses, sulistas, mães brasileiras. Pétalas de flores.

Francisco Cândido
franciscocandido992@gmail.com
Nilson disse: Em 13/05/2018 às 00:07:37

"Boa noite Sr Francisco, pesquisando informações sobre a origem do bairro Canarinho e o porque do nome, nÃo consegui achar muitas informações a respeito, mas fui direcionado a alguns artigos seu. Gostaria de saber se o senhor pode contribuir com alguma informação a respeito do surgimento, motivo do nome do bairro Canarinho. É para um trabalho acadêmico. Nilson nilson_rr@yahoo.com.br"