ESPETÁCULO
"Conversas de Botas e Batidas"
A peça "Conversas de Botas e Batidas" ocorre nesse sábado, 08. A programação do Amazônia das Artes tem continuidade no domingo com o espetáculo “Se deixar, ela canta!”
Por Folha Web
Em 08/07/2017 às 00:13
Foto: Divulgação

Poesia, música e circo são os ingredientes que prometem dar sabor a programação durante o final de semana, no Amazônia das Artes. Todo público poderá conferir gratuitamente o espetáculo "Conversas de Botas e Batidas", no sábado, 08 e "Se deixar, ela canta", no domingo 09. Os espetáculos serão às 20 horas, no Teatro Jaber Xaud (Sesc Mecejana).

No sábado, o espetáculo "Conversas de Botas e Batidas" reúne folclore, religiosidade e identidades culturais brasileiras. A peça teatral aborda Cultura Popular. Apresentando a simplicidade e grandiosidade das manifestações de histórias criadas, inventadas e contadas. No enredo Cuiabá, Mato Grosso e Várzea Grande são partes de uma releitura das conversas de boteco, de frente da casa velha, do pé de manga. A infância e cultura viva nas lembranças dos homens de cabeça “enchapelada”.

Com características de contação de historia com presença marcante dos cancioneiros populares tem a direção musical assinada por Ricardo Porto com pesquisa musical que percorre do centro oeste ao nordeste brasileiro. A montagem é fruto do processo de criação coletiva já adotada pela Cia em outros trabalhos, e o texto é do jovem dramaturgo Várzea-grandense Venicio de Souzza.

Em cena, Maicon D’ Paula e Venicio de Souzza dão vida a personagens alegóricas e a contos inventados e adaptados do universo infantil folclórico cuiabano e várzea-grandense, em uma homenagem aos mestres de cultura popular brasileira e as tradições de uma Várzea Grande antiga.

“Se deixar, ela canta!”

Já no domingo, 09 de julho, é a vez da Companhia Cangapé, do estado do Amapá, apresentar o musical “Se deixar, ela canta!”. O espetáculo é resultado de pesquisas e experimentações na arte de palhaçaria. Com Perualda (Alice Araújo), Chimbinha (Mauro Santos) e Molambo (Washington Silva), é contada a estória de uma das mais belas e talentosas cantoras de todos os tempos.

Dona de uma voz brilhante e encantadora, Perualda rouba os holofotes das estrelas da música pop, que vai da diva internacional Beyoncé à cantora regional Patrícia Bastos. No entanto, os companheiros de picadeiro parecem não compartilhar dessa mesma ideia e armam a maior confusão.

Serviço
"Conversas de Botas e Batidas"
Data: 08 de julho
Local: Teatro Jaber Xaud – Sesc Mecejana
Hora: 20 horas
Entrada Franca

“Se deixar, ela canta!”
Data: 09 de julho
Local: Teatro Jaber Xaud – Sesc Mecejana
Hora: 20 horas
Entrada Franca

Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!