CASO FELIPE BRENDO
Jovem acusada de atropelar e tentar matar ex-namorado é julgada
A jovem Natália Gomes de Oliveira, de 22 anos, é acusada de tentativa de homicídio contra o ex-namorado Felipe Brendo
Por Folha Web
Em 23/03/2017 às 10:43
Julgamento está ocorrendo neste momento, no Fórum Criminal do Caranã (Foto: Divulgação)

A jovem Natália Gomes de Oliveira, de 22 anos, está sendo julgada na manhã desta quinta-feira, 23, pelo Tribunal do Júri. Ela é acusada de tentativa de homicídio contra o ex-namorado Felipe Brendo, crime que ocorreu em 2013, na Capital.

O julgamento da jovem está ocorrendo no Fórum Criminal do Caranã, na zona Oeste. A denúncia contra Natália foi oferecida pelo Ministério Público de Roraima (MPRR) e está sendo conduzida, na sessão, pelo promotor Paulo André Campos Trindade.

O CASO- O crime ocorreu em 2013, em via pública. Natália arrastou a vítima, que tentava segurar-se sob o capô do carro que a acusada dirigia em alta velocidade. Felipe Brendo ficou vários dias internado com ferimentos graves.

Segundo denúncia oferecida pelo Ministério Público, à época, ao se evadir do local do crime, a acusada prejudicou a instrução do inquérito e a produção de prova para o caso, bem como sua posterior apresentação à polícia para livrar-se do flagrante abalou a ordem pública.

Matéria completa na edição impressa de amanhã.

Comentários
gilberto marcelino disse: Em 23/03/2017 às 16:44:53

"Caraca! É preciso uma lei de proteção ao Homem. Pode até receber o nome de Zé da Lapa, em oposição à lei Maria da Penha. A mulherada tá ficando perigosa, hein?"

Gabriela Mourão disse: Em 23/03/2017 às 16:06:35

"QUAL FOI A SENTENÇA ?"