ATENDIMENTOS
Anjos de Luz promove primeira ação social após reforma
Por Folha Web
Em 13/07/2018 às 01:10
Casa de Apoio Ester Pereira Paiva homenageia a filha de Maria das Dores, uma das fundadoras do Grupo (Foto: Divulgação)

A Associação Grupo de Mães Anjos de Luz (AGMAL), em parceria com a Faculdade Cathedral, promoveu ontem, 12 de julho, a primeira ação social após a reforma e ampliação da sede da entidade, localizada na avenida João Alves Brasil, 115, bairro Caranã. Durante o evento, aproximadamente 500 pessoas receberam atendimento nas áreas de fisioterapia, psicologia, odontologia, farmácia, assistência social, assessoria jurídica, clínica geral, pediatria e acupuntura, no horário das 9h às 17h.

Para a presidente da AGMAL, Maria das Dores, é extremamente gratificante poder oferecer melhores condições de atendimento às pessoas com deficiência. Ela agradeceu o empenho de todos os parceiros que contribuíram para a reforma e ampliação da sede da entidade e disse estar muito feliz com a primeira ação na nova casa. "Nós agradecemos imensamente toda a ajuda. É um sonho que estamos realizando. Agora temos uma casa de apoio humanizada e poderemos proporcionar o conforto que as pessoas com deficiência merecem", disse Das Dores.

Na análise de Francis Campos, colaboradora do programa Cathedral Cidadã, a ação social é uma forma de levar os acadêmicos para a comunidade, a fim de compartilhar o conhecimento adquirido na faculdade, e de despertar neles a importância da ajuda voluntária. “Muitas pessoas que têm deficiência e condições especiais são excluídas de vários serviços. Estamos muito felizes em promover essa inclusão social”, ressaltou.

De acordo com Fernanda da Silva Brilhante, que é cadeirante e frequenta a Anjos de Luz há nove anos, a estrutura da associação melhorou bastante depois da reforma. “Pra mim é um privilégio participar de ações como essas e agora a entidade pode receber com comodidade as pessoas com deficiência tanto da capital como do interior”, destacou Fernanda.

Segundo a dona de casa Joana Aguiar Jesus, é muito difícil conseguir vaga na rede pública de atendimento na área odontológica, um dos serviços oferecidos na ação social. “Estou muito feliz pela oportunidade que a associação Anjos de Luz está me proporcionando”, comemorou.

O GRUPO – A Associação Grupo de Mães Anjos de Luz (AGMAL) é uma instituição filantrópica, sem fins lucrativos, fundada em 4 de setembro de 2008, que atende atualmente mais de 9 mil pessoas com deficiência em todo o Estado, incluindo crianças, jovens, adultos e idosos.

A AGMAL surgiu devido à problemática percebida por um grupo de mães, diante das dificuldades enfrentadas no cotidiano da família com um filho que apresenta algum tipo de deficiência. Por esse motivo, Maria das Dores, mãe de Ester, e Ana Carolina, mãe de Arthur, criaram um grupo de apoio para ajudar as famílias que se encontram nessa situação. A sede da AGMAL com novas instalações foi inaugurada no dia 7 de julho de 2018 e partir desta data a Casa de

Apoio passou a ser chamada Ester Pereira Paiva, e o Centro de Fisioterapia recebeu o nome de Arthur Lima Brito, em homenagem à memória dos dois anjos que motivaram a criação da entidade.

A casa de apoio é destinada a pessoas com deficiência e seus familiares que residem no interior de Roraima e precisam se deslocar até a capital para fazer tratamento, exames, consultas, solicitação de documentos entre outros serviços, dispondo de alimentação e acolhimento.

Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!