NOVA OPERAÇÃO
Avião da Polícia Federal pousa em RR com cerca de 50 agentes
Cerca de 50 agentes federais desembarcaram e seguiram em micro-ônibus para um hotel
Por Folha Web
Em 07/10/2017 às 01:22
O avião aterrissou no Aeroporto Internacional de Boa Vista na manhã desta sexta-feira, dia 6 (Foto: Divulgação)

Um avião de Operações Especiais da PF (Polícia Federal) aterrissou às 11 horas desta sexta-feira, dia 6, no Aeroporto Internacional de Boa Vista Atlas Brasil Cantanhede, com cerca de 50 agentes, que desembarcaram e estão alojados em um dos hotéis de Boa Vista.

A imagem do avião obtida pela Folha chegou a viralizar na rede social, provocando especulações sobre a possibilidade de uma nova operação da PF a ser realizada na capital roraimense.

Ao ser procurada pela equipe de Reportagem da Folha, a PF confirmou a chegada dos policiais, mas explicou que os agentes da instituição em Roraima não comentam sobre investigações em curso.

A equipe de Reportagem obteve ainda a informação de que vários veículos da PF ficaram de campana na frente da casa de autoridades, possivelmente aguardando para cumprir mandados de prisão ou busca e apreensão. Por enquanto, não houve nenhuma confirmação oficial sobre prisões ou quais seriam as autoridades envolvidas na ação.

OUTRAS OPERAÇÕES - Somente este ano de 2017, a Polícia Federal em Roraima já realizou oito grandes operações com a vinda de policiais de fora. As operações envolviam fraudes, desvios de dinheiro público, tráfico humano, entre outras situações.

Em janeiro a PF deflagrou a Operação La Sombra II para desarticular rede de tráfico de pessoas para exploração sexual, em Roraima. Em maio, foram duas operações, a Operação Codinome envolvendo combate ao crime de tráfico de pessoas para exploração sexual em RR e a outra, Operação Stellio, que desarticulou grupo de fraudadores do seguro desemprego cumprindo 136 mandados em sete estados.

Em julho foi feita a Operação A Máquina, que desarticulou grupo criminoso de contrabando em Roraima. Também em julho teve a 3ª fase da Operação Gênesis cumprindo cinco mandados em Roraima com combate a pedofilia na internet.

Em agosto a Operação Tovajar cumpriu três mandados de busca e apreensão no combate a grupo que tramava ataques nas ruas de Boa Vista

Em setembro foram duas operações, a primeira Operação História de Pescador para investigar fraude no Seguro-defeso em Roraima e a última realizada no final do mesmo mês, a Operação Anel de Giges, que investiga desvio de R$ 32 milhões dos cofres públicos em Roraima e combate de organização criminosa acusada de peculato, lavagem de dinheiro e desvio de verbas públicas envolvendo filhos e enteados do senador Romero Jucá (PMDB).

carlos alberto da silva oliveira disse: Em 07/10/2017 às 08:30:01

"Vai ter politicos e familiares dormindo em casa de parente, junto com venezuelano na rua .... Kkkkk pega polícia federal"

Damiao disse: Em 07/10/2017 às 08:14:04

"Segura o cajú!"

Manuel disse: Em 07/10/2017 às 07:49:07

"Quem trabalha mesmo de verdade são este pessoal da PF. Grande exemplo de uma instituição de respeito e elevada moral. Parabéns Pessoal. Pau nos canalhas. k k k k"