ROTAÇÃO PERFEITA
Banda lança ‘Zura’, single independente na web
Rotação Perfeita é formada por Fabrício Viana (voz, baixo), Victor Breno (guitarra) e Matheus Gonçalves (bateria)
Por Raisa Carvalho
Em 01/02/2018 às 00:19
Rotação Perfeita está de volta ao cenário roraimense com o lançamento do single “Zura’ (Fotos Julieth Giovanna)

A banda de “rock caboquense’, como se definem, Rotação Perfeita está de volta ao cenário roraimense com o lançamento do single “Zura’ nas plataformas digitais. Formada por Fabrício Viana (voz, baixo), Victor Breno (guitarra) e Matheus Gonçalves (bateria), o grupo gravou e produziu a nova canção no estúdio de garagem do músico Murilo Pommering de forma independente.

O single deverá ser lançado também em um novo albúm de 11 músicas inéditas que está em fase de produção. “Estamos bem focados na produção desse trabalho, e agora já temos essas onze canções que serão compostas e lançadas a cada mês, sabemos que o público não pode ficar muito tempo sem um material pra ouvir, então a proposta é gravar cada música e disponibilizar para todos.” relata o baterista Matheus Gonçalves.

De acordo com o grupo a ideia não é agradar ninguém e sim fazer um som que represente a verdade. Nessa levada, a Rotação Perfeita busca alternativas para atingir o público que curte o som. “Desde as nossas composições, o público vai perceber nas letras que vamos falar sobre a nossa realidade, palavras que usamos no nosso contexto, gírias, nessa música nova, tem um termo que usamos muito “Tchunay” que significa ficar louco”, informou Fabricio Viana.

O grupo geralmente compõe as canções durante os ensaios, as frases e acordes vão se transformando em música. Apesar de ser um som pesado, o grupo apresenta influências de ritmos regionais em suas canções.

“Tudo que a gente escuta vira uma referência, queremos apresentar um som pesado, mas ao mesmo tempo em que tenha a cara do caboco, não queremos ter nenhum tipo de preconceito musical, tem hardcore, rock, forró, carimbo”, explicou Matheus.

Além do lançamento de novas músicas, o grupo também se prepara para uma agenda de shows. “Nós estamos de olhos nos festivais, mas queremos tocar em qualquer lugar que nos chamarem, quem sabe, tocar nos municípios do interior, ou outros estados, o que queremos é mostrar a nossa música, e sabemos que para o artista independente é difícil conseguir espaço”, disse Vianna.

Paralelo, a Rotação Perfeita, Matheus e Fabricio, que também integram a Black Revolt, não devem parar os ensaios e apresentações durante o período de divulgação do Zura. Quem quiser conhecer o trabalho da Rotação Perfeita pode acompanhar a página oficial do grupo nas redes sociais Facebook ou no Instagram: @rotacaoperfect

Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!