TAÇA FLAMARION VASCONCELOS
Centenário de Caracaraí vence Jasc e garante passaporte para a Divisão Especial de Futsal
O título veio depois da vitória sobre o Jasc, por 6 a 2, de virada, em jogo realizado na noite de terça no Ginásio Hélio Campos e válido pelo quarto e último jogo da melhor de sete pontos entre as duas equipes
Por Ribamar Rocha
Em 14/09/2017 às 00:19
Equipe do Centenário de Caracaraí de volta ao futsal da FRFS após 13 anos (Foto: Divulgação)

O Grêmio Centenário de Caracaraí mostrou a força do interior ao conquistar o título da X Taça Flamarion Vasconcelos de Futsal, categoria Adulto da Divisão de Acesso, e garantir o passaporte para disputar a Divisão Especial do Campeonato Roraimense de Futsal. O título veio depois da vitória sobre o Jasc, por 6 a 2, de virada, em jogo realizado na noite desta terça-feira no Ginásio Hélio Campos e válido pelo quarto e último jogo da melhor de sete pontos entre as duas equipes.

O Jasc entrou em quadra com a vantagem do empate e começou o jogo pressionando e abriu o placar com Igor aos 2m15s e logo depois Ramon ampliou para 2 a 0 aos 2m53s. Parecia fácil e que o Jasc venceria o último confronto e levaria o título. Mas como futebol é uma caixinha de surpresas, o Centenário reagiu, tomou conta do jogo e começou a marcar os gols que lhes deram o título. A reação começou com Francinei aos 13m30s ainda no primeiro tempo que terminou em 2 a 1 para o Jasc. Logo aos 25m26s da segunda etapa Diego deixou tudo igual. Francinei passou a frente aos 26m26s fazendo o gol da virada. Centenário 3 a 2. Alzamor ampliou para 4 a 2 aos 31m18s.

Diego marcou seu segundo gol no jogo e o quinto do Centenário aos 34m57s e Elivelto fechou a goleada de 6 a 2 aos 35m27s.

Com o triunfo o Centenário de Caracaraí retoma as disputas do salonismo estadual da Federação Roraimense de Futsal (FRFS) depois de treze anos. Na Divisão Especial da FRFS, o Centenário se junta ao Vivaz, Constelação/Estácio e Caxiense na luta pelo título da Elite do futsal de Roraima, competição que será disputada em outubro com data ainda a ser marcada e divulgada pela federação.

Segundo o presidente da FRFS, Osmar de Matos, a decisão entre Jasc e Centenário se deu para preencher a vaga deixada pela desistência do Independente da competição deste ano.

“Excepcionalmente, em caso de desistência de algum integrante da Divisão Especial, o campeão da Divisão de Acesso poderá participar da competição deste ano”, Osmar Matos.

Nos quatro confrontos entre as duas equipes houve muito equilíbrio. O primeiro jogo ficou em 2 a 2, no segundo jogo o Jasc venceu por 5 a 2 e no terceiro jogo houve vitória do Centenário por 6 a 7 e no quarto e último confronto houve nova vitória do Centenário, desta vez por 6 a 2.

Neste jogo o técnico do Centenário, Sales Moraes, mandou a campo a seguinte formação inicial: Edgar, Alzamor, Diego, Elivelto e Francinei, além de Alexandre, Alisson, Gustavo, Joarleson, Neto e Kaique.

Já o técnico do Jasc, Júlio César Belmont, formou com Thalys, Diego, Igor, Marciano e Ramon, além de Adriano Santos, Carlos Adriano, Igor Marcelo, Kairo. Maciel, Paulo, Pelezinho e Wagner.

A arbitragem foi de Manoel Messias Oliveira Filho e Kaio Lucian Gonçalves da Costa Forte. Trabalharam como mesários: Shirley Melquiades Santana da Costa (anotadora) e Fábio Talamás de Azevedo (cronometrista).

DADOS ESTATÍSTICOS – De acordo com os dados estatísticos divulgados pelo Departamento Técnico da Federação Roraimense de Futsal foram marcados 32 gols nos quatro jogos disputados entre Grêmio Centenário (Campeão) e Jasc (vice-campeão) o que dá uma média de 8 gols por jogo.

O artilheiro da competição foi Diego (Centenário) com 6 gols marcados (média 1,5 por jogo). O melhor goleiro do certame foi Edgar (Centenário). É do time campeão o ataque mais positivo com 17 gols (média de 4,25 por jogo). É também do Centenário a defesa menos vazada com 15 gols sofridos (média 3,75 por jogo).

Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!