PESCA E AQUICULTURA
Depois de extinção de secretaria, Chicão diz que está à disposição
Titular da extinta Secretaria extraordinária de Pesca e Aquicultura, Chicão da Silveira afirmou que entende as medidas de contenção de gastos
Por Paola Carvalho
Em 11/01/2018 às 01:26
Chicão da Silveira disse estar à disposição da governadora Suely Campos para auxiliar o Governo do Estado no que for necessário (Foto: Arquivo/Folha)

O ex-titular da extinta Secretaria de Estado Extraordinária de Pesca e Aquicultura (SEPAq), Chicão da Silveira (PP), informou à Folha que entende os motivos do Governo do Estado para as alterações realizadas na estrutura organizacional do poder executivo no início deste ano. A pasta foi extinta segundo decisão publicada no Diário Oficial do Estado (DOE) do dia 2 de janeiro.

Silveira, que estava à frente da pasta desde junho de 2017, declarou que já tinha conhecimento das mudanças e que a equipe da SEPAq já havia sido consultada sobre a necessidade da extinção da pasta. O ex-secretário disse compreender a vontade da governadora Suely Campos (PP) de agir para a contenção de gastos, em razão de o Estado estar enfrentando dificuldades financeiras, na sua opinião, por conta da forma como é feita os repasses dos recursos.

“Na verdade, hoje em dia a distribuição orçamentária está muito desigual. Hoje os poderes Judiciário e Legislativo ficam com uma parte e o poder executivo está tendo dificuldades. Assim, é claro que vão procurar todos os meios para contenção de gastos. Eu entendo perfeitamente as medidas que o Estado tomou”, afirmou.

Sobre a possibilidade de assumir outro cargo na administração estadual, Silveira disse que ainda não há nada previsto, porém não descartou a possibilidade de voltar a compor a estrutura governamental. “Ainda não foi nada discutido. Enquanto isso, sigo como suplente de deputado estadual pelo PP na Assembleia Legislativa, mas vamos aguardar os próximos procedimentos, ainda estamos no começo de ano, no período dos ajustes iniciais. Vamos esperar para ver como é que fica a situação”, disse Silveira.

Chicão reforçou ainda que esta à disposição da governadora Suely Campos, no que puder ajudar para o desenvolvimento do Estado. “Se a gente puder, vamos dar a nossa contribuição com base na experiência que a gente tem em tantos anos de vida pública. Se for necessário, estamos à disposição”, completou. (P.C.)

Mohammed Pataxó disse: Em 11/01/2018 às 07:52:31

"Chicão, tu tá a disposição para contribuir é com teu bolso né!? Não quer largar o osso e nem parar de mamar nas tetas do estado."

Marco Aurelio Pinheiro Sousa disse: Em 11/01/2018 às 11:56:01

"Verdade Pataxó, esse cara não passa de um oportunista, chega de parasitas!"