PARLAMENTO AMAZÔNICO
Deputados de Roraima são eleitos para nova diretoria
Gostei (0) Não gostei (0)
Por Folha Web
Em 12/05/2018 às 01:14
Coronel Chagas deixou a presidência do Parlamento Amazônico (Foto: Alex Paiva/SupCom-ALE)

No último dia da 22ª Conferência Nacional dos Legisladores e Legislativos (Unale), em Gramado (RS), foi realizada a eleição para nova presidência do Parlamento Amazônico, que atuará no Biênio 2018/2019. O deputado Coronel Chagas (PRTB), que presidia o Parlamento, passou a presidência para o deputado Wellington do Curso (PP), do Maranhão.

De Roraima foram eleitos cinco deputados: deputado Gabriel Picanço (PRB), 1ª vice-presidente; Lenir Rodrigues (PPS), primeira-secretária; Coronel Chagas (PRTB), secretário de Minas e Energia; Zé Galeto (SD), secretaria de Agricultura; e o deputado Joaquim Ruiz (PDT), membro do Conselho Fiscal da Unale.

Chagas agradeceu o tempo que passou à frente do Parlamento Amazônico e disse que entregou a presidência para Wellington do Curso, com a certeza de que as demandas da Região Norte continuarão sendo prioridade. “Quero agradecer e desejar sucesso para Wellington que é um deputado jovem em que tem liderança. Tenho confiança de que ele irá continuar defendendo a bandeira que engloba as causas de todos os estados da Região Norte”, disse.

PARLAMENTO AMAZÔNICO – É formado por deputados estaduais dos nove Estados que compõem a Amazônia Legal brasileira: Amazonas, Acre, Amapá, Roraima, Rondônia, Mato Grosso, Pará, Maranhão e Tocantins. O objetivo é buscar alternativas que aliem desenvolvimento sustentável e crescimento econômico para os desafios vivenciados na Amazônia.

Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!