ELEIÇÕES 2016
Eleitor aposta na renovação no interior e não reelege nenhum dos 14 prefeitos
Em 2017, todas as prefeituras do interior do Estado irão começar o ano com um novo prefeito, mostrando a insatisfação do eleitorado
Por Folha Web
Em 03/10/2016 às 01:01

Diferente da Capital, onde Teresa Surita (PMDB) foi reeleita (veja matéria na página 5A), nenhum dos candidatos à reeleição para as prefeituras dos municípios do interior foram reeleitos. As prefeituras dos 14 municípios – Alto Alegre, Amajari, Bonfim, Cantá, Caracaraí, Caroebe, Iracema, Mucajaí, Pacaraima, Normandia, Rorainópolis, São João da Baliza, São Luiz e Uiramutã – iniciarão no dia 1º de janeiro de 2017 com uma nova gestão.

Em sete municípios, os atuais prefeitos tentaram a reeleição. O caso mais emblemático foi o de José Divino (PRP), de São João da Baliza, que obteve apenas nove votos. Em Amajari, Moacir Mota, mesmo se tivesse a candidatura deferida, não venceria e ficaria em terceiro lugar.

No Cantá, a atual prefeita, Rose do Zaca (DEM), teve 312 votos, sendo a menos votada no município. Enildo Júnior (PSC), de Caracaraí, ficou em quinto lugar. Dr. Josué (PP), atual gestor de Mucajaí, ficou em terceiro lugar, assim como Adilson do Asa (PP), de Rorainópolis.

O único local em que o atual prefeito quase se reelegeu foi em Normandia, em que Jairo Araújo (PTB) teve uma diferença de 283 votos em relação ao primeiro lugar.

Confira os perfis dos novos prefeitos dos municípios do interior do Estado:

ALTO ALEGRE

O candidato Pedro Henrique Machado (PSD) foi eleito prefeito de Alto Alegre, a Centro-Oeste do Estado, com 4.616 votos, o que representa 55,84% do total de eleitores. O segundo colocado, Josué de Sousa (PR), obteve 3.385 votos, ficando com 40,95%. Filho do presidente do Tribunal de Contas do Estado, o conselheiro Henrique Machado, Pedro se tornou o prefeito mais jovem do Estado. Ele é natural de Boa Vista e estudante de Direito. Disputou a eleição pela coligação "Alto Alegre Unido para Voltar a Crescer".

AMAJARI


Depois de uma disputa acirrada no Município de Amajari, Norte do Estado, a candidata Vera Lúcia (PSC) foi eleita com 45,15% dos votos válidos pela coligação “Mudança pra Valer”. O percentual representa 1.711 eleitores, enquanto a segunda colocada, Núbia Lima, ficou com 1.547, o que representa 40,82% da preferência do eleitorado.

Vera Lúcia tem 44 anos, foi vereadora por Boa Vista, é empresária e esta é a primeira vez que disputa uma eleição para prefeita. A vice, Zanza Santana (PRB), concorreu ao cargo de vereadora de Amajari pelo PPS em 2012, quando ficou como suplente.

BONFIM


Em uma votação apertada, o candidato Joner Chagas (PRTB), de 42 anos, foi eleito prefeito do Município de Bonfim, Leste do Estado, pela coligação “Fazer Mais por Bonfim”, com 2.726 votos, sendo 43,05% do total de votos válidos, enquanto o candidato Armando do Carmo Araújo (PV), conhecido como Neto, levou 2.600 votos, o que representa 41,06% da preferência do eleitorado.
Esta é a segunda eleição em que Chagas sai vitorioso. Nas eleições municipais de 2012, ele foi eleito como vice-prefeito de Bonfim pelo PSDC. Neste pleito, o candidato e o seu vice, Roberto da Cerr, receberam apoio do PP, PR, SD, PSDC, PT, PC do B, PDT e outros partidos.

CANTÁ

Quem venceu, de virada, as eleições no município de Cantá, Centro-Leste do Estado, foi o candidato Carlos José da Silva (PSL), mais conhecido como Carlos Barbudo. Ele ficou com 20,19% dos votos válidos, enquanto o seu oponente, André Luis Costa de Castro (PP), fechou com 18,11%.

No início da apuração, Barbudo estava em desvantagem. Chegando ao final das contagens dos votos, o prefeito eleito obteve 1.918 votos. Barbudo e seu vice, Paulinho Peixoto (PSB), concorreram pela coligação “Unir para Construir”. Natural de São Feliz do Xingú (PA), o irmão do deputado estadual Jânio Xingu (PSL) chegou a Roraima com 23 anos. Hoje ele tem 51 anos.


CARACARAÍ


Com 3.643 votos, a candidata Socorro Guerra (Pros) foi eleita no Município de Caracaraí, Centro-Sul do Estado, com uma diferença de mais de 500 votos em relação à segunda colocada, Diane Coelho (PR). Ela já foi vice-prefeita por duas vezes e desenvolveu diversos trabalhos voltados para o empoderamento da população jovem.

Com 52 anos, casada e servidora do Judiciário, a nova prefeita participou do pleito pela coligação "Caracaraí Grita" com o vice-prefeito Gilson Sabóia (PRP) e apoio dos partidos SD, PT do B, PSDB e PRP. Socorro Guerra é natural de Boa Vista e irmã do ex-presidente da Assembleia Legislativa do Estado de Roraima (ALE-RR), Chico Guerra.

CAROEBE


Em Caroebe, município a Sudeste do Estado, o candidato eleito foi o agricultor e pecuarista, Argilson Martins (PSDB), da coligação Unidos pelo Progresso, com 1.973 votos, sendo 45,89% dos eleitores. Ele e o vice, Zé Galdino, eram apoiados pelo PDT, PSL, PHS, SD e PSDB. O novo prefeito de Caroebe tem 41 anos e é natural de Gurupi, no Tocantis (TO).
 
IRACEMA


O candidato do PEN à Prefeitura de Iracema, Centro-Sul do Estado, Francisco Evangelista dos Santos Araújo, o Dr. Francisco Araújo, foi eleito com 1.945 votos, equivalente a 100% dos votos. Com 48 anos, ele é casado, delegado da Polícia Civil e ex-deputado federal. A vice da chapa é Zenilda Portela, do PSC.
Ele concorria com Jairo André Ribeiro de Souza, que teve a candidatura indeferida pelo Tribunal Regional Eleitoral. Jairo foi condenado pela prática de irregularidades em processos licitatórios junto à Prefeitura de Caracaraí enquanto exercia o cargo de presidente da Comissão de Processo Licitatório (CPL) e pregoeiro, que o tornaria inelegível.

MUCAJAÍ


A candidata Eronildes Aparecida Gonçalves (PR), mais conhecida como “Nega do Édio”, venceu as eleições para a Prefeitura de Mucajaí, município a Centro-Oeste do Estado, com 4.746 votos, o que representa 48,87% da preferência do eleitorado. Ela derrotou o candidato à reeleição Josué Paneque Matos (PP), da coligação “Mucajaí com Honestidade e Igualdade”, que obteve 3.397 votos.
A prefeita eleita é natural de Campo Bonito, no Paraná (PR), e é casada com o deputado federal Édio Lopes. É formada em Administração de Empresas e atuou nas áreas de educação, saúde e assistência social.

PACARAIMA


O candidato Juliano Torquato (PRB) foi eleito prefeito de Pacaraima, município ao Norte do Estado, com 2.671 votos, o que representou 38,81% das 34 urnas apuradas. O partido de Torquato fez a maior coligação no município, contando com o apoio de PRB, PT, PR, PRP, PMB, PSL e PHS. Ele é natural do município de Pau D’Arco (PA) e trabalha como comerciante em Pacaraima, na fronteira com a Venezuela.
Do total de 6.935 votos, 161 eleitores anularam o voto, 52 votaram em branco e 1.473 se abstiveram. A candidata Teia Mota (PR) ficou em segundo lugar, com 2.028 votos. O tucano Aluízio Azevedo ficou em último lugar, com 633 votos.

NORMANDIA


O candidato Vicente Adolfo Brasil, o Gute Brasil, do PDT, foi eleito em Normandia com 2.356 votos, o que representa 43,32% da preferência do eleitorado, sendo uma diferença de 283 votos em relação ao segundo candidato, Jairo Araújo (PP), que obteve 2.073 votos. Gute é ex-deputado estadual, nasceu em Curitiba (PR) e é agricultor.

RORAINÓPOLIS


A população de Rorainópolis, Sul do Estado, elegeu o candidato Leandro Pereira da Silva (PSD) como seu novo prefeito. O candidato saiu vitorioso com 4.189 votos, deixando em segundo lugar o candidato Antônio da Sucan (PPS), que obteve 3.288 votos.
Leandro é administrador, natural de Virotino Freire (MA). Aos 33 anos, ele concorreu pela coligação Juntos por uma Rorainópolis Melhor, com apoio do PSD, PMDB, PMB, PPL, PSB, PROS, PT do B e SD.

SÃO JOÃO DA BALIZA


O candidato Marcelo Jorge (PROS) venceu as eleições em São João da Baliza, Sul do Estado, com 1.283 votos, sendo 32,04% da preferência do eleitorado. A disputa foi acirrada com a candidata Luiza Maura de Oliveira (PDT), que obteve 1.227 votos, ficando com 30,64%, uma diferença de apenas 56 votos.
Marcelo Jorge é o atual presidente da Câmara Municipal de Baliza e assumiu a prefeitura daquele município algumas vezes, durante o afastamento do prefeito José Divino. É natural de Porto Velho (RO) e tem 41 anos.

SÃO LUIZ DO ANAUÁ


O candidato James Batista (PMDB) foi eleito prefeito no município de São Luiz, Sul do Estado, com 1.652 votos, sendo 38,31%, e uma diferença de mais de 366 votos contra o segundo colocado, professor Itamar Paiva da Silva (PCdoB), que obteve 1.286 votos, ficando com 29,82%. Professor do Ensino Fundamental, James é natural de Vitorino Freire (MA) e tem 36 anos.


UIRAMUTÃ


O candidato Manoel da Silva Araújo (PP), mais conhecido como Dedel, foi eleito prefeito do Município de Uiramutã, Nordeste do Estado, com 1.480 votos, o que representa 48,75% dos votos válidos. Na segunda colocação, ficou a professora Zenaide Alberto Oliveira, com 21,48% da preferência do eleitorado, totalizando 663 votos.
Com 43 anos, é a primeira vez que Dedel disputa uma eleição. Ele e o vice-prefeito eleito, Davi Padrino, receberam apoio PP, PHS, PPS, PSC, PSB, PV e PSDC. Dedeu é autônomo e foi secretário municipal de Agricultura durante o mandato da então prefeita de Uiramutã, Florany Mota.

Cacau disse: Em 03/10/2016 às 10:14:23

"Parabéns Folha pela matéria com as fotos dos novos vereadores. Os munícipes precisam saber quem são e reconhecê-los. Afinal, são tantos! :) Cacau."