TÍTULO
Equipe de Roraima é vice-campeã do Brasileirão Escolar de Futsal da CBDE
Time da Escola Estadual Luiz Ribeiro de Lima retornou de Natal-RN com o título de vice-campeão do Brasileiro Escolar de Futsal para atletas de 15 a 17 anos, disputado esta semana em Natal-RN
Por Ribamar Rocha
Em 07/12/2017 às 00:20
Time comemora a conquista com a bandeira de Roraima (Foto: Divulgação)

A equipe de futsal da Escola Estadual Luiz Ribeiro de Lima retornou de Natal-RN com o título de vice-campeã do Campeonato Brasileiro Escolar de Futsal para atletas de 15 a 17 anos, disputado na capital norteriograndense. A final aconteceu na segunda-feira no ginásio do Complexo Educacional Henrique Castriciano e os garotos do Colégio Amorim, de São Paulo-SP levaram a melhor vencendo por 7 a 1 e se tornaram tricampeões brasileiros do certame promovido pela Confederação Brasileira de Deporto Escolar (CBDU) e que este ano reuniu 26 equipes no masculino. O título de campeão garante a equipe paulista como representante do Brasil no Mundial de Tel Aviv, em Israel, em março do próximo ano. O time paulista é formado por jogadores de base do Corinthians e Palmeiras. 

A goleada sofrida na decisão não tirou o brilho da equipe que participou pela primeira vez e chegou invito na decisão. A equipe roraimense esteve inserida no Grupo F junto com escolas representantes do Tocantins e Maranhão. No primeiro jogo os atletas da escola Luiz Ribeiro de Lima ficaram no empate de 3 a 3 contra o Tocantins. Depois venceu o Maranhão por 1 a 0 e ficou em primeiro do Grupo. Nas oitavas de final venceu o Mato Grosso por 6 a 1 e passou para as quartas de final vencendo o Piauí por 6 a 3. Na semifinal derrotou o representante do Ceará por 4 a 3 e garantiu vaga na final contra a escola de São Paulo.

O técnico da equipe, Rodrigo Viana falou da experiência de ter disputado a competição.

"Sabemos que foi uma conquista importante para nosso Estado. Pena que não conseguimos o primeiro lugar, mas fizemos nosso melhor. Saímos de Natal com a sensação de dever cumprido. E sabemos disso porque chegamos ao nosso limite enquanto equipe de futsal", disse. “Fazer frente com os grandes centros de futsal do país é quase impossível para o nosso Estado. Mas conseguimos. Pessoalmente eu e meus atletas estamos tranquilos com o resultado que alcançamos. Mas quem chegou tão perto com certeza fica com o desejo de fazer melhor. Essa é a meta de qualquer um que adentra no mundo da competição”, afirmou. “Meus atletas não tinham nenhuma experiência em competição a nível nacional. A passagem pelos jogos da Juventude em Brasília completou esse ciclo. Fizemos três jogos lá. Perdemos na estreia de goleada. No segundo jogo perdemos no último milésimo de segundo. O terceiro jogo vencemos. Estava claro que a equipe se encontrava em evolução. O vice campeonato veio confirmar as nossas previsões e expectativas traçadas para nossa equipe. Perdemos a final, mas ficou um gostinho de quero mais”, finalizou.

Na competição nacional, o treinador Rodrigo Viana contou com os atletas: Rafael dos Santos, Augusto de Souza, Gustavo de Souza, Venicius Marreiro, Maxivan Sousa, Wanderson Magalhães, Romailson da Silva (artilheiro da equipe com oito gols), Lucas Tatagiba, Irlanilson Miquéias e Daniel Vieira.

Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!