FURTO
Escola de comunidade indígena é arrombada
Gostei (0) Não gostei (0)
Polícia prendeu um homem e apreendeu três adolescentes suspeitos
Por Folha Web
Em 13/06/2018 às 15:08
O material foi recuperado e conduzido à Delegacia de Polícia Civil do município de Cantá para as providências (Foto: Divulgação)

A Escola da Comunidade Indígena Canauanim foi arrombada, do local, foram furtados uma botija de gás de 13 kg, um celular marca LG, garrafas térmicas,  vários  alimentos e materiais de expediente.

A Polícia Militar foi acionada e efetuou diligências com a ajuda dos Conselheiros Comunitários de Segurança. Um homem identificado pelas iniciais E. J. S. R de 20 anos e os adolescentes W. R. P,  16 anos, W. N. R, 17 anos, A. E. S, 16 anos foram apreendidos acusados do furto do interior da escola.

Os infratores conduziram a guarnição até um matagal onde localizou-se o material furtado.

Aos policiais o infrator, maior de idade, declarou que fez uso de bebida alcoólica e embriagou os adolescentes, convencendo-os a arrombarem a escola.

O material foi recuperado e conduzido à Delegacia de Polícia Civil do município de Cantá para as providências.

 

Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!