VISITA TÉCNICA
Estudantes de Engenharia realizam visita técnica em igarapé no Cantá, neste sábado
Gostei (0) Não gostei (0)
Por Folha Web
Em 14/04/2018 às 00:23

Em busca de maior precisão nos dados referentes ao escoamento de água em córregos, igarapés e rios, acadêmicos do 4º semestre do curso de Engenharia Civil, do Centro Universitário Estácio da Amazônia, estarão realizando neste sábado, dia 14, uma visita técnica ao Igarapé São Lourenço, localizado no Município do Cantá.

A atividade é uma aula prática da disciplina de Fenômenos de Transporte e integra o currículo dos alunos desde 2015. Durante a visita, o grupo vai aprender como escolher o local adequado em um igarapé para dimensionar as áreas e realizar o cálculo de vazão. A expectativa é que mais de 70 alunos participem da atividade.

De acordo com o professor da disciplina, Emerson Amorim, as aulas práticas foram adotadas como metodologia por oferecer maior confiabilidade nos resultados alcançados. Ele explica que a atividade é desenvolvida nesse período do ano devido ao nível de estiagem do igarapé. Emerson conta que, para realizar o cálculo, os alunos utilizam o método do flutuador no qual, um trecho reto do rio é escolhido, e duas cordas são esticadas de uma ponta a outra com distância de 10 metros. “Em campo será feito o reconhecimento do local apropriado da área trabalhada, após isso serão desenvolvidas as atividades no local aplicando a metodologia apropriada referente ao tempo, distâncias horizontais e verticais, seções transversais, dados estes inerentes para seus devidos fins, assim como o tempo relacionado aos intervalos das seções transversais do trecho correspondente com suas devidas repetições.”, comentou o professor.

Segundo Emerson, o local foi escolhido por possuir uma área mais regular, se aproximando das literaturas que falam sobre vazão, facilitando o trabalho dos acadêmicos em por em prática o conhecimento teórico das salas de aula. O trecho selecionado no igarapé possui 24 metros de comprimento por cinco metros de largura, com três seções equidistantes de 12 metros. Vazão é a quantidade volumétrica ou massa de um fluído escoando através de uma tubulação ou canal passando em uma determinada seção por unidade de tempo. O estudo se faz necessário para atender as necessidades de irrigação na agricultura, criação de animais para amparar todos os que fazem uso dessa água no período da cheia e seca, mantendo assim o controle de córregos, igarapés e rios para não secar, causando danos ambientais à fauna e flora daquele local. “A medição de vazão de fluídos sempre esteve presente em nosso dia a dia, por exemplo, o hidrômetro de uma residência, o marcador de uma bomba de combustível nos veículos, etc. Estes resultados alcançados permitem que trabalhos futuros sejam direcionados no desenvolvimento e disseminação das técnicas de controle do uso da água no Igarapé São Lourenço.”, informou.

 

Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!