TRÂNSITO LENTO
Falhas em sinais causam transtornos
Gostei (0) Não gostei (0)
Enquanto pedestres e condutores alegam defeitos, a Smtran diz que semáforos são revisados periodicamente
Por Folha Web
Em 09/07/2018 às 06:42
Motoristas dizem que os tempos dos sinais emperram o trânsito boa-vistense (Foto: Wenderson de Jesus) 

Semáforos instalados em vários pontos da cidade têm gerado reclamações de motoristas e pedestres, por supostas falhas de sincronia. Alguns sequer autorizam a passagem de pedestres.

O internauta Jonathan Rodrigues Farias, relatou que no período da manhã, quando vai deixar os filhos na escola, enfrenta problemas com a demora em semáforos no percurso do bairro Jardim Floresta em direção ao Centro, até a avenida Ville Roy.

“Passo pelo menos por cinco semáforos no horário de pico até chegar à escola de meus filhos. Pela manhã e próximo ao meio-dia, o trânsito se torna complicado no cruzamento das avenidas Venezuela e Ataíde Teive e no semáforo da avenida Glaycon de Paiva próximo ao mercado Romeu Caldas. É preciso paciência e prudência para evitar acidentes”, reclamou.

O estudante Guilherme Melo, também reclamou do semáforo localizado em frente à Assembleia Legislativa (ALE/RR) porque o “botão” de acionamento da passagem de pedestre está com defeito há mais de seis meses.

“Este sinal é essencial para alguém cruzar a Praça do Centro Cívico em segurança. A mais ou menos 15 dias, o sinal indicava a passagem para pedestres.

Subitamente fechou e quase ocorre um acidente. O acionamento é automático e demora permitir a passagem. É preciso atenção e muito cuidado no momento de atravessar”, relatou.

OUTRO LADO – A Prefeitura de Boa Vista esclareceu que os semáforos são equipamentos eletrônicos, sujeitos a defeitos. Com as constantes quedas de energia, há interferências no funcionamento desses equipamentos.

A manutenção é feita pelo Departamento de Engenharia de Trânsito, da Superintendência Municipal de Trânsito (SMTRAN), que ao constatar algum problema, de imediato faz o necessário reparo.

A cada seis meses, nos cruzamentos em que há semáforos, o Departamento de Engenharia de Trânsito faz a contagem de quantos veículos passam em cada sentido, para avaliar o fluxo veicular. Por essa avaliação é definido o tempo de cada cor do semáforo.


A Prefeitura informou que desde a semana passada os semáforos das avenidas Major Williams e Terêncio Lima estão funcionando de forma sincronizada. O sincronismo é feito com base na velocidade máxima da via. Nessas vias, mantendo uma velocidade constante, os condutores irão pegar uma sequência de semáforos abertos.

Com as quedas de energia, o sincronismo pode ser alterado. Mas a equipe de engenharia sempre verifica todos os pontos, e caso detecte algum problema, refaz a programação do semáforo. 

CREA vai tentar contribuir com soluções técnicas

O presidente do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Roraima (Crea/RR) Wolney Parente, disse que tem acompanhado as reclamações sobre a lentidão no trânsito e falta de sincronia nos semáforos. Ele informou que pretende conversar com a Prefeitura de Boa Vista e contribuir com soluções técnicas para otimizar a fluidez no trânsito da capital.

“Tecnicamente, o tempo de cada semáforo requer estudo levando em conta a quantidade de veículos em horário de pico. Daí, fórmulas são aplicadas para definir o tempo de cada sinal verde, vermelho e laranja. Cada semáforo tem programação específica feita por microcontroladores alimentados pela energia elétrica da rua, sem baterias”, informou.

Wolney acrescentou que este trabalho deve ser feito por técnicos ou engenheiros de tráfego atualizando a programação, com os devidos reparos e reprogramações para evitar acidentes e favorecer a fluidez do trânsito.

“Por isso, nosso entendimento é que a verificação seja feita constantemente e os tempos dos sinais revistos assim que for percebida mudança no fluxo do trânsito”, finalizou. (R.G) 

ROSINALDO VIEIRA SILVA disse: Em 09/07/2018 às 12:35:52

"O último semáforo da Carlos Pereira de Melo sentido bairro... tem fica vermelho para todos os sentidos...ou seja ficam todos os veículos parados. "