HOMICÍDIO
Familia faz esclarecimntos sobre crime no Cantá
"Vítima não teria sido socorrida com vida na ocasião do crime"
Por Folha Web
Em 07/03/2017 às 23:00

A família do agricultor Eloy de Barros Lima, 41 anos, morto com tiro de espingarda na boca, na região do Jacaminzinho, Município do Cantá, na noite do último dia 19 de fevereiro, entrou em contato com a Folha para retificar algumas informações.

Segundo os familiares, a vítima não teria sido socorrida com vida na ocasião do crime, como foi noticiado e foi encontrado sem vida dentro de uma rede na segunda-feira, 20, por seus familiares.

A família também ressaltou que o suspeito do crime fazia uso apenas de antibióticos porque teria um ferimento na perna, e já estava curado do ferimento, e não de remédios de uso controlado, como foi informado anteriormente.

A Folha esclarece que todas as informações que compõem os textos publicados na Folha Impressa e posteriormente na FolhaWeb baseiam-se no relato de fontes e em informações fornecidas pela Polícia sobre o fato.

Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!