MISTÉRIO
Gerente desaparece e foragido é apontado como principal suspeito
Polícia conseguiu localizar o carro do gerente, que estava na posse de dois elementos. Um deles é foragido do sistema prisional
Por Tamille Cunha
Em 09/12/2016 às 00:50
Foragido Élio de Frank, vulgo “Muito Doido”, estava com carro do gerente que está desaparecido há dois dias (Foto: Divulgação)

O gerente de um restaurante situado na Praça Ayrton Senna, Genésio Araújo, de 27 anos, está desaparecido há dois dias. Conforme a família, ele saiu de casa, no bairro Buritis, na madrugada de quarta-feira, em seu veículo, uma pick-up Strada prateada, portando o dinheiro do caixa do estabelecimento comercial onde trabalha, arrecadado na terça-feira. Um foragido da Penitenciária Agrícola de Monte Cristo (Pamc), cuja fuga não foi divulgada pelo sistema prisional, é o principal suspeito de envolvimento no caso do desaparecimento do gerente.

Os familiares ficaram desesperados após saberem do paradeiro do veículo do gerente, que foi encontrado na madrugada de quarta-feira no bairro Jardim Primavera, zona Oeste, ocupado por dois homens, sendo um deles o foragido do sistema penitenciário Élio de Frank, vulgo “Muito Doido”. Quando perceberam a presença da polícia, eles fugiram pulando muros de residências.

A polícia ainda conseguiu chegar até a casa de uma recepcionista, de 31 anos, ex-namorada do foragido, que se escondeu no local antes de conseguir fugir. Ela foi conduzida ao Plantão Central do 5º Distrito de Polícia para prestar esclarecimentos. Com a recepcionista foi apreendido um celular que continha mensagens trocadas com Élio de Frank, nas quais mostrava a intenção do criminoso em vender o carro de Genésio Araújo.

A última notícia de que se teve do gerente é que ele teria chegado em casa por volta da 00h30 de quarta-feira, quando trocou de roupa e avisou à família que dormiria fora. Foi registrado Boletim de Ocorrência sobre o desaparecimento de Genésio Araújo e a polícia está investigando o caso. O irmão do gerente ainda tentou contato pelo celular, mas o aparelho dele está fora de área desde o dia do sumiço. Ele acha que Genésio Araújo pode ter sido vítima de bandidos. A família solicita a quem tiver informações que possam ajudar na localização do gerente que entre em contato pelo número 997141-3511 ou para o 190, da Polícia Militar, sem precisar se identificar.

GOVERNO – O foragido Élio de Frank, o “Muito Doido”, já tinha sido preso em 2015 suspeito do homicídio de um vigilante de um supermercado, além de crimes de roubo. Depois de um tempo ele conseguiu escapar da Penitenciária Agrícola do Monte Cristo (PAMC) e, em novembro deste ano, foi recapturado.

A Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejuc) informou, por meio de nota, que o criminoso conseguiu escapar da unidade prisional na semana passada, sem que fosse notado e que o caso seria “uma situação isolada”, mas que a fuga está sendo investigada pela polícia.

A nota salienta ainda que a Divisão de Inteligência e Captura (Dicap) já está tomando as providências no sentido de localizar e capturar o foragido. A população pode ajudar informando sobre a possível localização de foragidos do sistema prisional por meio dos telefones 190, 99139-9529 (WhatsApp) e 0800 278 0130. A identidade dos informantes será mantida em sigilo. (T.C)

agrinaldo clarindo carvalho disse: Em 11/12/2016 às 13:34:13

"Esse sistema penal de RR tá mesmo uma festa! O preso foge há mais de uma semana e o Governo só foi saber agora porque ele cometeu outro crime e foi descoberto."

Luis Carneiro de Oliveira disse: Em 09/12/2016 às 09:25:12

"Sinceramente gostaria de saber porque esse suspeito tem as costas largas. Será um lampião do nosso tempo? Será que irão deixar ele destruir todo o Estado de Roraima? Pelo amor de Deus"