UNIVERSIDADE ESTADUAL
Lançado edital do Vestibular e Medicina já está entre os cursos oferecidos
Este será o maior vestibular realizado pela Universidade Estadual em 11 anos de existência
Por Folha Web
Em 11/10/2017 às 21:00
A grande novidade desse vestibular é o curso de Medicina com 30 vagas, (Fotos: Divulgação)

A chanceler da Universidade Estadual de Roraima, governadora Suely Campos, lançou na tarde de hoje (11) o edital do vestibular da UERR para os 22 cursos oferecidos pela instituição, inclusive para o de Medicina.

As inscrições começam na segunda-feira (16) e vão até o dia 6 de novembro. Serão feitas exclusivamente pelo site da UERR (www.uerr.edu.br) no link VESTIBULAR.

Lá, o candidato poderá baixar o edital, realizar sua inscrição e fazer o acompanhamento de todas as fases do certame.

Veja o edital aqui

As provas serão realizadas no dia 3 de dezembro. A homologação do resultado final será divulgada no dia 25 de janeiro de 2018, com o início das aulas em março.

Este será o maior vestibular realizado pela UERR nos seus 11 anos de existência. Estão sendo ofertadas 760 vagas, cem a mais que o certame anterior, para os 22 cursos oferecidos em Boa Vista e Rorainópolis.

A taxa de inscrição é de R$ 90,00, que poderá ser paga até a data do vencimento estipulado no boleto bancário.

A inscrição somente será homologada após a confirmação do pagamento pela instituição financeira, sendo efetuado dentro do prazo estabelecido no boleto.

Com a implantação do Campus de Excelência Aplicada à Educação, na zona oeste da cidade, na Escola Estadual Severino Cavalcante, a UERR ofertará 340 vagas para os cursos de licenciatura.

A Escola passa a pertencer formalmente ao patrimônio da Universidade Estadual e atenderá a região mais populosa e de maior vulnerabilidade da nossa capital.

No Campus será implantada a Escola de Aplicação da Universidade Estadual de Roraima, na escola Severino Cavalcante, que já funciona em tempo integral.

Durante o dia, a escola será um Laboratório de Prática para as licenciaturas e para o Programa de Formação Continuada do Ceforr e, durante a noite, campus para todas as licenciaturas da UERR.

VERBAS – O deputado Joaquim Ruiz anunciou, durante o lançamento do edital, que a bancada de apoio ao governo destinará R$ 5 milhões para montagens de laboratórios, não só de saúde, mas de todos os cursos da UERR.

Também serão alocados mais R$ 3 milhões para reformas das estruturas da Universidade em todo o Estado.

A governadora também informou que já determinou a inclusão no orçamento uma verba destinada aquisição de livros e de um laboratório para que tudo esteja pronto para o início das aulas no próximo ano.

 

MEDICINA – A grande novidade desse vestibular é o curso de Medicina, com 30 vagas. Este é um sonho de muitos roraimenses e uma necessidade do governo, que precisa de médicos para atender principalmente o interior do Estado.

A governadora também assinou hoje a Mensagem Governamental, encaminhando para a Assembleia Legislativa de Roraima, que altera a Lei 091/2005, que criou a Universidade Estadual de Roraima, com as seguintes alterações:

1 – Incorporação ao patrimônio da UERR da estrutura física, material, instalações e edificações da Escola Estadual Professor Severino Gonçalo Gomes Cavalcante, onde funcionará a Escola de Aplicação e o Campus de Excelência Aplicada à Educação, na zona oeste da cidade, que é a região mais populosa e de maior vulnerabilidade da nossa capital. Essa medida garantirá a oferta de mais 330 vagas nos cursos de licenciatura, e formarão novos professores para atuar em todo o nosso Estado.

2 – O Hospital das Clínicas, o Hospital Geral de Roraima Rubens de Sousa Bento e o Hospital Materno Infantil Nossa Senhora de Nazareth passam a ser denominados Hospitais de Ensino, vinculados academicamente à Universidade Estadual de Roraima.

Esses Hospitais de Ensino integrarão o Sistema Único de Saúde no âmbito do Estado, através da prestação de serviços ambulatoriais e hospitalares à população e servirão de suporte acadêmico às atividades de ensino, pesquisa e extensão da Universidade Estadual de Roraima.

A vinculação dos hospitais à UERR como hospitais de ensino é necessária para a efetiva implantação do curso de medicina e o fortalecimento dos cursos de enfermagem, educação física, química, biologia e serviço social, o que demonstra o compromisso do governo em dar todas as condições para que os cursos da UERR se desenvolvam.

Assessoria de Comunicação - Universidade Estadual de Roraima - UERR

Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!