IMPOSTO DE RENDA
Mais de 4 mil pessoas terão direito a restituição do Imposto de Renda
Gostei (0) Não gostei (0)
O montante total pago será de R$ 7.592.823,81 nesta sexta-feira, 15
Por Paola Carvalho
Em 13/06/2018 às 07:29
Infográfico: Graffo

A Receita Federal abriu a consulta ao primeiro lote de restituição do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) referente ao ano de 2018. Em Roraima, 4.435 contribuintes terão direito ao benefício. O montante total pago será de R$ 7.592.823,81 nesta sexta-feira, 15.

De acordo com o delegado da Receita Federal em Roraima, Omar Rubim, quem tiver interesse em saber se teve a declaração liberada terá que acessar a página da Receita na Internet ou pela Central de Atendimento, no Receitafone 146.

O contribuinte pode ainda acessar o aplicativo “Meu Imposto de Renda”, disponível para tablets e smartphones, tanto IOS ou Android. No app, a população pode consultar as declarações do IRPF, a situação cadastral no CPF e informações sobre liberação das restituições.

Segundo Rubim, não é necessário que o contribuinte se dirija até a sede da Receita, podendo tirar todas as dúvidas no site do órgão. “A restituição acontece de forma automática na sexta-feira, 15. Lembrando que a liberação do segundo lote está prevista para acontecer na segunda quinzena de julho”, afirmou.

O delegado ressaltou ainda a importância de os contribuintes verificarem se há alguma irregularidade no seu cadastro. “É interessante que os contribuintes procurem averiguar o atendimento eletrônico da Receita para verificar se tem alguma inconsistência, corrigir a informação e se, eventualmente estiver ocorrendo alguma situação que esteja impedindo a restituição, que seja identificado imediatamente e corrigido”, frisou.

ENTENDA – A liberação do primeiro lote de restituição acontece na sexta-feira, 15, em todo o país. De acordo com o órgão tributário, a restituição ficará disponível no banco durante um ano. Caso o contribuinte não faça o resgate nesse prazo, deverá requerê-la por meio da Internet, mediante o Formulário Eletrônico - Pedido de Pagamento de Restituição, ou diretamente no e-CAC, no serviço Extrato do Processamento da DIRPF.

Na consulta à página da Receita, serviço e-CAC, é possível acessar o extrato da declaração e ver se há inconsistências de dados identificadas pelo processamento. “Nesta hipótese, o contribuinte pode avaliar as inconsistências e fazer a auto-regularização, mediante entrega de declaração retificadora”, explica a Receita.

Caso o valor não seja creditado, o contribuinte poderá contatar pessoalmente qualquer agência do BB ou ligar para a Central de Atendimento por meio do telefone 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes auditivos) para agendar o crédito em conta corrente ou poupança, em seu nome, em qualquer banco. (P.C.)

Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!