POLÍCIA
Membros de organização criminosa são presos e adolescente é apreendida
Por João Barros
Em 04/07/2018 às 00:48
Os indivíduos estavam em posse de drogas e armas (Foto: Divulgação/Polícia Civil)

Após investigação, a equipe policial do 2º Distrito Policial conseguiu prender um bando que integra uma facção criminosa e apreender uma adolescente de 15 anos, que também é membro da organização. Eles estavam em posse de drogas, arma de fogo e produtos possivelmente roubados.

Todo o trabalho da Polícia Civil foi iniciado depois que a vítima de um roubo, que aconteceu ontem, dia 3, procurou a delegacia para informar que estava recebendo fotos de pessoas que poderiam estar com o seu aparelho celular. “Diante das fotografias dos suspeitos passamos a pedir informações da equipe de plantão da Polícia Civil, se alguém reconhecia os suspeitos que ostentavam fotos com arma de fogo (revólver cromado)”, informou a polícia.

Um investigador da Delegacia-Geral de Homicídios informou que os indivíduos seriam os irmãos Lucas dos Santos Angelo, vulgo “Patatá”, e Luan dos Santos Angelo, vulgo “Patati”. De posse das informações, a Polícia Civil conseguiu os possíveis endereços dos elementos, no bairro Centenário, zona Oeste.

A polícia passou a monitorar a residência e contou com o apoio da equipe de Investigação do 1ª DP e do Grupo de Resposta Tática (GRT), para realizar abordagem no imóvel. Além dos irmãos Patati e Patatá, estavam na casa Izaquiel de Souza Nunes, vulgo “Zaquel”, e a adolescente.

Ao realizarem buscas no apartamento, os policiais encontraram várias pedras de entorpecente, aparentando ser pasta base de cocaína, enroladas em sacos plásticos; uma pequena porção aparentando ser maconha; duas balanças de precisão; quatro aparelhos celulares, dentre estes estava o aparelho celular da vítima que prestou queixa na delegacia, uma arma calibre 38 com numeração raspada, cinco munições e mais dois coldres. Todo o material foi apreendido.

Para a polícia, os acusados informaram que compraram e que já iam revender os entorpecentes. Já a arma servia tanto para a segurança deles quanto para matar os desafetos da facção criminosa rival. Um dos conduzidos informou que matou três desafetos da facção criminosa rival, sendo um no bairro Santa Tereza, outro na invasão do São Bento e o último no Raiar do Sol, todos bairros da zona Oeste.

Todos confirmaram fazer parte de uma organização criminosa. O bando foi flagranteado e ficou detido numa cela de custódia, aguardando audiência com a Justiça que será realizada nesta quarta-feira, dia 4. (J.B)

Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!