LAMA EM EXCESSO
No interior, população está insatisfeita com situação das ruas
"Não bastasse a poeira, agora é a vez da lama", dizem os moradores
Por Jefter Reis
Em 19/04/2017 às 20:00
(Foto: Jefter Reis)

A população do município de Rorainópolis, a cerca de 300 quilômetros de Boa Vista, segue insatisfeita com a situação das ruas e avenidas da cidade, localizada na região Sul do Estado. 

Conforme a reclamação de grande parte dos moradores, após o período de chuvas, que vem acontecendo na região, muitas ruas e avenidas da cidade tem sido tomadas pela lama, causando transtorno à população que precisa transitar pelos locais, que passaram por obras para instalação de tubos de esgoto sanitário em quase toda a cidade.

Para os reclamantes, os transtornos se dão pois, os mesmos tem tido dificuldade até de entrar em suas casas por causa de grandes atoleiros que se formaram em diversos trechos da cidade.

“Ficamos hateados, porque, se a prefeitura tinha em mente que o período de chuvas iria acontecer, deveria ter agilizado as obras para concluir antes das tempestades. Nós sabemos da importância dessas obras, mas precisamos trabalhar todos os dias, e estamos tendo dificuldades até para sair de casa”, relatou um morador.

Ainda, conforme a reclamação da população, em muitos trechos onde as obras já estariam concluídas, ficaram grande quantidade de entulho e barro, ocupando espaço em cima das calçadas e até mesmo na rua.

OUTRO LADO - A prefeitura de Rorainópolis informou por meio de nota que, vem trabalhando para agilizar o mais depressa possível todas as obras nas ruas de sua cidade. A prefeitura ressalta que, as chuvas tem atrapalhado a conclusão dos trabalhos, mas tem realizado serviços até com chuva para concluir as obras.

Com relação aos entulhos que ficaram provenientes das obras, a prefeitura informou que, vem cobrando da empresa responsável pela execução das obras, que retive todo o entulho e restos de materiais o quanto antes, e que a população tenha apenas um pouco mais de paciência, que muito em breve toda a cidade voltará a sua normalidade com qualidade de vida para todos os seus moradores.

Comentários
Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!