HIPERMETROPIA
Oftalmologista explica os sintomas e causas da doença
O tratamento para hipermetropia, normalmente, é feito com o uso de óculos, ou lentes de contato. Saiba quais as causas e sintomas
Por Folha Web
Em 02/04/2018 às 00:12
O oftalmologista Rômulo Ferreira

A hipermetropia é a dificuldade em enxergar objetos de perto e acontece quando o olho é mais curto que o normal ou quando a córnea (parte da frente do olho) não tem capacidade suficiente, fazendo com que a imagem, do objeto, se forme depois da retina.

De acordo com o oftalmologista Rômulo Ferreira, a hipermetropia surge desde o nascimento, mas pode passar despercebida na infância, provocando dificuldades de aprendizagem. Assim, é importante fazer um exame de visão antes de a criança entrar para a escola.

“A hipermetropia tem cura quando há indicação cirúrgica, porém o tratamento mais comum e efetivo são os óculos e as lentes de contato para resolver o problema. O olho de um hipermétrope, geralmente é mais curto do que o normal e os objetos são focados depois da retina, causando dificuldade em enxergar de perto e, muitas vezes, de longe também” explica.

Na criança a hipermetropia pode estar associada com estrabismo, devendo ser acompanhada de perto pelo oftalmologista para evitar baixa visão, atraso na aprendizagem e má formação da função visual em nível cerebral.

O tratamento para hipermetropia, normalmente, é feito com o uso de óculos, ou lentes de contato, para recolocar a imagem corretamente sobre a retina.

“Outra solução é a cirurgia para hipermetropia, que pode ser feita após os 21 anos, e que utiliza um laser para modificar a córnea o que irá fazer com que a imagem agora se concentre na retina”, acrescentou.

Hipermetropia
Hipermetropia é uma condição do olho em que a luz é focada na parte posterior da retina, em vez de na própria retina. Isto faz com que a pessoa veja desfocados os objetos em curta distância, enquanto os objetos distantes são vistos normalmente.
À medida que a condição se agrava, é possível que se comece a ver os objetos desfocados a qualquer distância. Algumas pessoas podem também manifestar disfunção de acomodação, disfunção binocular, ambliopia e estrabismo.

O que causa hipermetropia?
• Má formação do olho;
• Problemas na córnea;
• Problemas no cristalino do olho.

Sintomas de hipermetropia
• Visão embaçada para objetos próximos e distantes;
• Cansaço e dor nos olhos;
• Dores de cabeça, após ler;
• Dificuldade de concentração.

Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!