RIO 2016
PARALIMPÍADAS: Atleta do Irã morre durante prova de ciclismo
A fatalidade ocorre há 1 dia do encerramento dos jogos do Rio de Janeiro
Por Folha Web
Em 17/09/2016 às 17:00
Bahman Golbarnezhad, ciclista do Irã, antes da prova de estrada da Paraolimpíada do Rio (Foto: Comitê Paraolímpico do Irã)

O ciclista iraniano Bahman Golbarnezhad, de 48 anos, morreu na tarde deste sábado, 17, durante prova válida pelas classes C4-5, do ciclismo de estrada, nos Jogos Paralimpicos do Rio de Janeiro. A fatalidade ocorre há 1 dia do encerramento do evento.

Conforme as informações do portal de notícias Uol, atleta perdeu o controle da bicicleta na Descida do Grumari, no Recreio dos Bandeirantes, em uma área próxima à praia com pequenos penhascos.

Ainda segundo o Uol, no trecho em questão, os atletas atingem velocidades de até 65 km/h. Golbarnezhad se chocou contra uma mureta, voou de sua bicicleta e acertou o solo de cabeça.

Ele foi atendido no local e transferido ao um hospital na Barra da Tijuca, porém, durante o trajeto, o ciclista sofreu uma parada cardíaca e acabou falecendo dentro da unidade móvel. O laudo oficial confirma que o atleta sofreu traumatismo craniano.

A classe C4, da qual o iraniano pertencia, é destinada a atletas com dificuldade de controle do guidão e que apresentam aumento do tônus muscular leve, sendo os membros inferiores mais acometidos. Por conta do acidente, as prova da prova da classe B, destinadas para deficientes visuais em bicicleta dupla, foi atrasada em 45 minutos.

"Bahman era um atleta paraolímpico exemplar, que competia com amor e uma energia inextinguível para promover o nome da República Islâmica do Irã. Seu esforço nesse sentido nunca cessou. O povo do Irã está comovido com a tragédia e expressa suas condolências à família", disse o Comitê Paralimpico do Irã, em nota.

Com informações do Uol.

Comentários
Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!