MANDADO DE PRISÃO
PM prende “Brinquedo do Diabo”, condenado por roubo
Gostei (0) Não gostei (0)
Por João Barros
Em 14/03/2018 às 00:55
O elemento tentou fugir, mas foi localizado atrás de uma mangueira (Foto: Divulgação/PM)

A Polícia Militar cumpriu mais um mandado de prisão enquanto realizava patrulhamento pelas ruas da Capital. Dessa vez a abordagem aconteceu na Rua Raimundo Alves de Sousa, bairro Senador Hélio Campos, zona Oeste da Capital. Já era começo da madrugada de ontem, dia 13, quando Maycon Conceição de Moraes, conhecido pela alcunha de “Brinquedo do Diabo”, de 28 anos, foi preso.

Quando avistou a viatura, o indivíduo tentou fugir, pulando muros das residências próximas. Os policiais que integram a guarnição iniciaram as buscas e correram atrás do indivíduo, mas o indivíduo conseguiu se esconder dentro do mato, numa área de difícil acesso e de iluminação precária.

As diligências se intensificaram e a PM conseguiu localizar Maycon tentando se esconder atrás de uma árvore. Um novo cerco foi montado e dessa vez conseguiram capturar o elemento. Após uma consulta junto ao sistema da Dicap (Divisão de Inteligência e Captura) da Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejuc), confirmou-se que tinha um mandado de prisão contra o homem.

Maycon foi condenado pelo juízo da 1a Vara de Execução de Penas e Medidas Alternativas e terá que cumprir pena de dois anos e quatro meses em regime inicialmente aberto. Ele é acusado pela prática dos crimes de furto e roubo, como prevê os artigos 155 e 157 do Código Penal Brasileiro (CPB).

Depois de tomar conhecimento de que estava sendo procurado pela Justiça, o homem foi conduzido à Central de Flagrantes do 5o DP, onde a autoridade policial elaborou a Guia de Recolhimento ao Sistema Prisional, mas antes foi levado ao Instituto de Medicina Legal (IML) para fazer exame de integridade física. (J.B)

Jesus está voltando! disse: Em 14/03/2018 às 09:30:01

"Além dele, existem muitas pessoas que são brinquedos do diabo, só serão libertos desta escravidão, no dia em que aceitar a Jesus Cristo, como único e suficiente salvador."