OPERAÇÃO JATEVU
Polícia investiga doações de terrenos feitos pela Prefeitura de Iracema
Operação descobriu um forte esquema de corrupção
Por Folha Web
Em 23/02/2017 às 20:00
(Foto: Antônio Carlos)

A segunda etapa da Operação ‘Jatevu’ da Polícia Civil realizou na manhã de hoje, 23, catorze mandados de busca e apreensão em Iracema, Boa Vista e Cantá.

Foram recuperados, além de documentos e processos, equipamentos eletrônicos, motocicletas e uma ambulância, além de um flagrante por porte de arma ilegal.

De acordo com a delegada Ednéia Chagas, a Polícia constatou indícios de doações irregulares feitas pela Prefeitura de Iracema para familiares do ex-prefeito e duas empresas que prestaram serviço para a Prefeitura.

“A Operação resultou na descoberta de um forte esquema de doações irregulares naquele município, tudo que foi coletado hoje como prova vai subsidiar a continuidade dessa investigação. Foram localizados documento e cópias, que servirão como indícios a serem constituídos como provas para o processo penal” relatou.

Segundo a delegada, a subtração de documentos constitui crime. “Essa é uma tentativa de esconder atitudes corruptas, como fraudes nas licitações, entre outros. A partir da recuperação desses documentos e demais materiais, será possível avaliar o prejuízo que o município sofreu”, contou.

Em um dos documentos apreendidos há informações de doação de cinco terrenos destinados a um empresário.

“Precisamos verificar a procedência dessas doações, esses documentos que deveriam estar na prefeitura e não em residências, o que é errado, vários documentos em lugares diversos que mostram que alguns bens foram desviados”, destacou o delegado da Polícia Civil, Alexsander Lopes.

Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!