EM RORAINÓPOLIS
Polícia prende avô que contava com ajuda do vizinho para estuprar neta de 7 anos
Segundo a Polícia, o idoso, de 64 anos, e o vizinho, de 55, teriam abusado sexualmente da criança; eles foram indiciados e deverão responder por estupro de vulnerável
Por Folha Web
Em 10/10/2017 às 12:42
Criança teria ficado traumatizada com o crime e está recebendo tratamento psicológico (Foto: Divulgação)

A Polícia Militar (PM) do município de Rorainópolis, na região Sul de Roraima, prendeu na tarde de ontem, 09, por volta das 13h, um idoso, de 64 anos, que contava com a ajuda do vizinho, de 55, para estuprar a própria neta, de apenas 7 anos de idade. O outro homem também foi preso.

O caso ocorreu na rua Gilberto Alves Pinto, no bairro Gentil Carneiro. Segundo informações repassadas pela Polícia Civil do município, a ocorrência se deu após uma denúncia anônima informando que no endereço uma criança teria sofrido abuso sexual, o que levou a PM a partir imediatamente para averiguar a ocorrência.

Segundo a PM, ao chegar no local, os policiais se depararam com a mãe da criança chorando, e, ao questionar sobre o que havia acontecido, ela informou que sua filha estaria sendo violentada sexualmente pelo avô e o vizinho.

Diante da declaração da mãe da criança, os policiais deram voz de prisão aos envolvidos no crime e os conduziu à Delegacia de Polícia de Rorainópolis, onde foram ouvidos e autuados em flagrante por estupro de vulnerável.

Os agentes da Delegacia informaram que a criança, ao ser perguntada sobre a veracidade da situação, disse o seu avô a teria levado para dentro do banheiro da casa onde mora e tocado em suas partes íntimas. Em seguida, o idoso teria segurado a mão da criança e colocado em seu órgão genital.

A menina, que aparentou estar em choque com a ocorrência, relatou não ser a primeira vez que os dois homens teriam cometido o crime. A polícia relatou que a criança, vítima do crime, está recebendo tratamento psicológico, e deverá ainda passar por um exame de conjunção carnal. Caso seja confirmado, os envolvidos deverão responder por mais esse agravante no caso. (J.R)

 

 

             

                                   

Aguia disse: Em 10/10/2017 às 16:30:54

"Precisamos de Leis mais rigidas para os casos de estupros. Essa Lei em vigor é muito branda. Cadeia pra esses safados."

elizoneide disse: Em 10/10/2017 às 13:21:59

"Que esses monstros apodreçam na cadeia."