VIOLÊNCIA
Professor indígena é morto a pauladas no bairro Caranã
Por Folha Web
Em 17/07/2017 às 00:42
Vítima teve a cabeça esmagada devido aos golpes de madeira (Foto: Divulgação)

O professor indígena André Ferreira, de 35 anos, foi brutalmente morto a pauladas no sábado, 15, no bairro Caranã, na zona oeste da Capital. O crime ocorreu na Rua Tenente Braz Barros da Silva, próximo ao “Campo do Careca". Um pedaço de madeira manchado de sangue foi encontrado próximo ao corpo, indicando que aquele foi o objeto utilizado para atacar o professor.

A maioria dos golpes foi desferida na cabeça. A vítima morreu por traumatismo craniano e o caso foi encaminhado para a Delegacia-Geral de Homicídios (DGH), mas até ontem nenhum suspeito tinha sido identificado.

Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!