OBJETOS CONTRABANDEADOS
Receita Federal destrói 170 mil unidades de óculos pirateados
Por Folha Web
Em 14/11/2017 às 01:35
Destruição dos óculos aconteceu na Usina de Asfalto de Boa Vista com apoio do Exército (Foto: Nilzete Franco)

A Delegacia da Receita Federal de Roraima destruiu, na manhã desta segunda-feira, 13, na Usina de Asfalto de Boa Vista, cerca de 170 mil óculos contrabandeados da China e Guiana. A mercadoria foi apreendida pela Polícia Militar na fronteira com a Guiana, no Município de Bonfim, a leste do Estado.

De acordo com o delegado da Receita, Omar Rubim, a Polícia Militar nos últimos anos tem colaborado para retirar de circulação objetos contrabandeados que enfraquecem a economia do país, além de colocar em risco a saúde das pessoas, em particular a visão, no caso dos óculos. Ele ressaltou que essa foi a última ação de destruição de produtos clandestinos apreendidos no exercício de 2017.

Ele explicou que outras atividades relacionadas a produtos clandestinos apreendidos ainda vão ocorrer no decorrer do mês, como um leilão de eletroeletrônicos ainda sem data confirmada.

Cleilson Silva Martins disse: Em 21/11/2017 às 20:34:04

"Se é contrabando porque fazer um leilão com esses produtos????? Quer dizer que quando é outra pessoa que tá comercializando é crime Mais quando é alguém com autoridade é apenas um leilão. Interessante esse país.............. Da até vergonha de ser brasileiro "