SUL DO ESTADO
Suspeitos são presos por participação em homicídio de advogado
Gostei (12) Não gostei (3)
Um dos envolvidos foi liberado em Audiência de Custódia
Por Folha Web
Em 19/05/2017 às 09:00
Todos foram autuados por latrocínio e associação criminosa e devem seguir para a cadeia (Foto: Divulgação)

A Polícia Civil do Amazonas cumpriu mandados de prisão, na tarde de ontem, 17, pelo latrocínio do advogado Mansur Francês Chehuan Neto, de 32 anos.

O crime ocorreu no bairro Parque 10, Zona Centro-Sul, em Manaus, no dia 24 de abril deste ano. A vítima morreu dois dias depois.

Segundo o delegado Adriano Félix, titular da Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Defraudações (Derfd), parte do grupo foi preso em Manaus, outro em Roraima e Fortaleza. Dos oito presos, sete possuem mandados de prisão pelo crime.

Rafael Rodrigues Maia, 32, vai ser indiciado e liberado, pois foi identificado e preso ontem, no município de Rorainópolis, na região Sul de Roraima, que faz divisa com o Amazonas. Rafael foi quem passou as informações privilegiadas ao bando. Todos foram autuados por latrocínio e associação criminosa e devem seguir para a cadeia.

Os presos são Gedeon Marques Rodrigues, o 'Monstro', 28, Pedro Ramos de Carvalho, 31, Adiel da Silva Tavares, 33, Paulo Henrique Brandão Silva, o 'Tiririca', 31, sua esposa Tatyana Cristina Silveira dos Santos, 23, Paulo Ricardo Silva, 29, irmão de 'Tirirca' e o cadeirante Ericson Fernandes, 36 anos.

Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!