ELEIÇÕES 2018
Tribunal Superior Eleitoral aponta crescimento do eleitorado em Roraima
Números estão sendo compilados pelo Tribunal Regional Eleitoral de Roraima e pelo TSE e estão disponíveis no site
Por Cyneida Correia
Em 10/10/2017 às 01:45
Roraima tem 1.229 eleitores a mais, após recadastramento biométrico feito pelo Tribunal Regional Eleitoral de Roraima (Foto: Diane Sampaio/Arquivo/Folha)

Levantamento feito pela Folha no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) mostra que, chegando ao final do processo de Biometria, o Estado de Roraima apresentou um saldo de 1.229 eleitores a mais, em comparação com 2016, quando ocorreu a última eleição no Estado. No ano passado, o Estado tinha 324.805 eleitores aptos a votar, número que aumentou para 326.034 em 2017. Os 1.229 eleitores a mais representam um crescimento de 0,37% no último ano.

Dos quinze municípios, nove tiveram redução do eleitorado e seis tiveram crescimento, conforme tabela elaborada pela Folha. A maior queda foi no Bonfim, que perdeu 342 eleitores, passando de 8.753 em 2016 para 8.411 neste ano. O maior crescimento foi em Rorainópolis, município localizado no Sul do Estado, onde o número de eleitores aptos a votar está em 18.779, 1.471 a mais que os 17.308 de 2016. Em termos percentuais, o número de eleitores de Rorainópolis cresceu 8,4%.

A capital Boa Vista ficou com 177 eleitores a mais. Em 2016, Boa Vista tinha 203.575 eleitores aptos a votar. Em 2017, eles chegaram a 203.752, um crescimento de cerca de 0,08%.

Com a compilação desses dados, os procedimentos e rotinas incumbidos às zonas, corregedorias e Tribunais Regionais Eleitorais (TREs), estarão em conformidade com o cronograma operacional do cadastro definido para as eleições 2018. Os prazos foram estabelecidos pela Resolução nº 23.466, aprovada pelo Plenário do TSE no final de 2015.

BIOMETRIA - Atualmente existem aproximadamente 280.600 eleitores registrados biometricamente no Estado, o que representa 86,44%. Apenas os Municípios de Amajari, Normandia, Pacaraima e Uiramutã ainda não concluíram o procedimento biométrico. “Em 2017, a Justiça Eleitoral roraimense pretende atingir a meta de 100% do eleitorado recadastrado biometricamente, atendendo os cidadãos dos municípios que ainda não passaram pelo procedimento”, ressaltou a presidente do TRE-RR, desembargadora Tânia Vasconcelos. Até 2022, todos os eleitores brasileiros deverão votar pelo sistema biométrico.

MAIS ELEITORAS - As mulheres formam 50,5% do eleitorado. Já os homens são equivalentes a 49,4%. Duas pessoas não informaram o sexo. A maioria das eleitoras é formada por mulheres de 21 a 49 anos, um total de 108.998, o que representa 33,5%. A maioria dos homens que estão aptos a votar está na faixa dos 21 aos 49 anos, o número correspondente a 102.914.

A maior parte dos eleitores está localizada em Boa Vista, que concentra quase 63% do eleitorado. O segundo maior colégio eleitoral está em Rorainópolis, representando cerca de 5%. Os dados são do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-RR), ao realizar o perfil do eleitorado no Estado, que está disponível para consulta no site do TRE-RR (www.tre-rr.jus.br).

ANALFABETOS – Apesar de o alistamento eleitoral ser facultativo para os analfabetos, em Roraima existem 11 mil cidadãos nessa condição, que requisitaram título de eleitor junto ao Tribunal Regional Eleitoral e estão aptos a votar em outubro. Por outro lado, a maior fatia do eleitorado possui ensino fundamental incompleto – 72 mil (22,4% do total).

Confira os eleitores por municípios até o momento conforme site do TSE

Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!