FUTEBOL
Vivaz vence o Buritis por 4 a 1 e conquista o bicampeonato Roraimense de Futsal Sub 15
Por Ribamar Rocha
Em 16/04/2018 às 00:28
Garotada do Vivaz fica com o título do Estadual Sub 15 (Foto: Divulgação )

O Vivaz venceu o Buritis por 4 a 1 no segundo jogo da melhor de três das finais do Campeonato Roraimense da categoria Sub-15, em confronto realizado na noite de sexta-feira no Ginásio Hélio Campos. O resultado deu aos Lupa Lupas, assim como são conhecidos os garotos do Vivaz, o título de campeão 2018 do certame promovido pela Federação Roraimense de Futsal (FRFS).

Os Lupa Lupas buscaram o resultado desde o apito inicial e foram recompensados com a vitória com gols de Fernando (2), Gabriel Nobre e Adrisson.. Coube a Erllan fazer o gol de honra do Buritis.

O alviazulino já havia vencido o Buritis por 2 a 0 no primeiro jogo da melhor de três da final e reverteu a vantagem que pertencia ao adversário que entrou na final com um ponto de bonificação por ter feito a melhor campanha da fase classificatória.

OS GOLS – Precisando da vitória para levantar a taça de campeão, o Vivaz iniciou o jogo pressionando e conseguiu abrir o marcador com Fernando aos 4m46s. Mas o Buritis reagiu logo e Erllan deixou tudo igual aos 7m10s. Mas a noite era de Fernando, que inspirado, marcou seu segundo gol aos 11m14s e deixou o jogo em 2 a 1. Gabriel Nobre ampliou aos 20m12s da segunda etapa e Adrisson deu números finais aos 27m54s.

EQUIPES – O Vivaz jogou e venceu com Júnior, Adrisson, Fernando, Hierro e Samuca, além de Gabriel Lima, Gabriel Nobre, Kauã Gaspar, Luandeson, Lucas Daniel, Marcelinho, Pedrinho, Rian e Victor. Técnico: Osmar Júnior.

O Buritis formou com César, Gabriel, João Victor, Rafhael e Thiago, além de Adson, Cosme, Erllan, Hugo, Jean, Paulo, João Henrique, Victinho. Técnica: Luana Rodrigues.

ESTATÍSTICA – Segundo informações do Departamento Técnico da Federação Roraimense de Futsal, foram realizados 20 jogos e marcados 116 gols, o que dá uma média de 5,60 gols por partida.

A maior goleada foi Buritis 11 x 0 Barcelona. O artilheiro foi Thiago, do Buritis, com 14 gols marcados (média 1,75 por jogo), seguido por Guilherme (Vivaz) com 9 gols e Gabriel (Buritis) com 8 gols.

O melhor goleiro da competição foi Júnior (Vivaz). O ataque mais positivo foi do Buritis, com 37 gols (média 4,62 por jogo).

A defesa menos vazada foi do Constelação/Estácio com apenas 14 gols sofridos (média 2 por jogo).

Já o ataque menos eficiente foi o do Independente/Faceten que marcou apenas 6 gols (média de 1,2 por jogo). A defesa mais vazada foi a do Barcelona que sofreu 31 gols (média 5,16 por jogo). O atleta revelação foi Thiago (Buritis).

Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!