ESCUTAS TELEFÔNICAS
Xingu afirma que governo tem mais de mil horas de escutas ilegais de autoridades
Por Folha Web
Em 17/05/2017 às 01:00
Jânio Xingu é o segundo vice-presidente da Assembleia Legislativa (Foto: SupCom/ALE)

Durante pronunciamento na tribuna, nesta terça-feira, 16, na Assembleia Legislativa de Roraima (ALE-RR), o deputado Jânio Xingu (PSL) denunciou que o serviço de inteligência da Polícia Civil de Roraima estaria realizando escutas telefônicas ilegais para monitorar parlamentares de oposição ao Governo de Roraima. A denúncia foi motivada por reportagem exibida em programa de rede nacional, no domingo, 14, quando veio à tona o esquema de grampos ilegais envolvendo políticos, advogados e um jornalista em Mato Grosso (MT).

“O serviço de inteligência da Policia Civil de Roraima está fazendo o mesmo que a inteligência de Mato Grosso, e isso é grave. Eu tenho um amigo na Polícia Civil, que me garantiu que tem horas e horas de gravações ilegais de deputados. Isso está sendo feito para, talvez, na próxima campanha eleitoral, expor os deputados, e isso é preocupante, é uma covardia e os covardes não vão a lugar nenhum”, afirmou Xingu.

O deputado pediu que a Mesa Diretora da Casa Legislativa informe à Polícia Federal e ao Ministério Público Federal a situação. “Já propus CPI e sou voto vencido. Isso é grave e não pode ser levado como algo qualquer.

Os deputados não têm coragem de subir na tribuna e falar, mas eu vou denunciar para a Polícia e o MP, pois se tiverem fazendo isso realmente eu quero que seja esclarecido. O que não podemos é conviver com isso.

Eu vou denunciar sempre que for possível. Se tiverem realmente fazendo isso aqui em Roraima, que seja esclarecido, pois não podemos ter nossos direitos violados. São mais de mil horas de gravações ilegais e que podem ser usadas de maneira prejudicial. Precisamos corrigir isso agora”, alertou o deputado.   

O líder do G14, deputado George Melo (PSDC), disse que a motivação das escutas ilegais é calar os deputados de oposição. “Que me denuncie com gravações ilegais, eu não me curvo à chantagem, não estou aqui para isso, não tenho medo desse governo”, deixou claro o líder do Blocão.

Governo diz que denúncias de deputados são absurdas

Em nota, o Governo de Roraima negou que existam escutas ilegais de deputados estaduais. “A Polícia Civil e todas as instituições do Governo de Roraima atuam dentro da legalidade, no estrito cumprimento do seu dever, preservando de forma irrestrita o estado democrático de direito. As ilações sobre escutas telefônicas ilegais de parlamentares são absurdas e soam como devaneios”, assegurou.

O governo esclareceu ainda que a escuta telefônica é uma importante ferramenta criada por lei, que serve para combater crimes graves como os cometidos por organizações criminosas. “utilizada de forma restrita, exclusivamente quando autorizada pelo Poder Judiciário”. Afirmou ainda, que todas as operações realizadas pela Polícia Civil do Estado de Roraima com o uso de escuta telefônica “tiveram autorização judicial, utilizando-se de um sistema transparente, completamente auditável”.

Comentários
gilberto marcelino disse: Em 18/05/2017 às 09:23:07

"A escuta telefônica só pode ser feita com autorização judicial, é não se pode conceber que o Judiciário Estadual as tenha autorizado a pedido e/ou no interesse do Governo. Caso elas tenham de fato ocorrido, além de ilegais podem resultar em impeachment da governadora. "

VAGN disse: Em 17/05/2017 às 11:38:30

"Pelo alarde fizeram muita pilantragem, agora estão com medo das revelações. "

carlos alberto da silva oliveira disse: Em 17/05/2017 às 11:21:05

"Será que tem algum deputado que tem medo de ser divulgado o que ele fala? Então senhores, sejam honestos....."

Rio Branco disse: Em 17/05/2017 às 11:20:44

"Renan Calheiros com a polícia do senado fizeram isso com a aparelhagem sofisticada vinda de Israel, e não deu em nada. Se é para cortar o mal, que venha o exemplo de cima. E quem não deve, não teme. Agora se tem rabo preso, aguenta as pontas."

Marilene Alves de Carvalho disse: Em 17/05/2017 às 09:38:09

"Deputados, quem não deve não teme. "

marcell grangeiro disse: Em 17/05/2017 às 07:25:37

"O deputado está com medo? Quem não deve não teme e aí tiver gravações é bom que divulguem mesmo , o povo tem direito de saber quem são os lobos vestidos em pele de cordeiro."