Por Denise Rohnelt Araujo
Em 10/11/2018

Esta semana estou em São Paulo participando de vários eventos, um deles é o lançamento do livro “Culinária brasileira, muito prazer” da escritora Roberta Malta Saldanha, que aconteceu no meio da semana e foi incrivelmente prestigiado por profissionais da gastronomia que estão participando do livro que viram de todos os estados.

Foi uma alegria estar no “nascimento” do décimo primeiro livro da amiga Roberta, principalmente por ter participado ativamente dele por mais de dois anos.

O outro evento, que irei trazer mais informações e fotos na próxima semana, que está acontecendo em São Paulo é o Mesa São Paulo, organizado pela revista Prazeres da Mesa que a cada ano traz novidades e muita informação.

Ainda irei até a capital paranaense para visitar alguns restaurantes, projetos e trazer o que a de inovador em Curitiba, mas aguardem nas próximas semanas.

A receita hoje é de origem portuguesa, um bacalhau com natas e camarão, que a chef Lucia Beserra do restaurante Navalho nos ensinou no programa Letras Saborosas da TV Folha BV. Se tiverem dúvidas vejam o vídeo na Folha BV Play

Até a próxima semana!

-------------------------------------------

PRATO DO DIA

Bacalhau com natas e camarão

Receita da chef Lucia Beserra

INGREDIENTES:

  • 400g de bacalhau dessalgado
  • 150g de camarão limpo
  • 250g de batata sautée
  • 350 ml de molho branco
  • 200 ml de creme de leite
  • 100g de queijo parmesão ralado grosso
  • 60 ml de azeite português
  • ½ cebola ralada

MODO DE FAZER:

O bacalhau deve estar limpo, sem pele e sem espinhas, dessalgado na geladeira trocando a água várias vezes em 24 horas.

A batata deve ser cortada em cubos pequenos e uniformes, cozida al dente com um pouco de sal. Depois numa frigideira colocar manteiga suficiente para “dourar” as batatas, com cuidado para não desmanchar, reserve.

Fazer o molho branco mais encorpado, grosso, reservar.

Numa frigideira grande colocar o azeite, refogar a cebola ralada, começar colocando o bacalhau, depois o camarão, na seqüência o molho branco, o creme de leite, por fim a batata sautée. Transferir o bacalhau com camarão nas natas para uma travessa refratária, colocar o queijo parmesão ralado grosso e colocar no forno para gratinar.

Servir quente com arroz branco.

-------------------------------------------

Aumenta o número de participantes brasileiros na lista dos 50 melhores restaurantes da América Latina

A sexta cerimônia anual de premiação do Latin America's 50 Best Restaurants, que celebra a melhor gastronomia da América Latina, foi realizada dia 30 de outubro, no centro de eventos Ágora, em Bogotá, Colômbia, com a presença de chefs, restaurateurs, sommeliers, influenciadores internacionais, jornalistas e gourmets.

O restaurante peruano Maido, do chef nikkei Mitsuharu Tsumura, foi nomeado o Melhor Restaurante da América Latina (The Best Restaurant in Latin America), patrocinado pela S.Pellegrino & Acqua Panna, e também O Melhor Restaurante do Peru. 

O Central, também peruano, ficou em 2º lugar na lista anual. O Pujol, da Cidade do México, fica em terceiro lugar; seguido do Boragó, de Santiago, no 4º lugar; e D.O.M, do chef Alex Atala em São Paulo, em quinto; estes três últimos recebem os títulos de Melhor Restaurante do México, Chile e Brasil, respectivamente.

O top 10 é completado por Don Julio, em Buenos Aires, em sexto; A Casa Do Porco do chef Jefferson Rueda em São Paulo, em sétimo lugar; Astrid y Gastón em Lima no oitavo; Quintonil na Cidade do México e o Leo, de Bogotá, na décima posição.

Em 2018, o Latin America's 50 Best Restaurants apresenta seis novos ingressos: El Chato, restaurante revelação do país anfitrião, a Colômbia, com sede em Bogotá, também recebe o prêmio de Melhor Ingresso (Highest New Entry), ocupando a 21ª posição na lista. O Oteque, do chef Alberto Landgraf do Rio de Janeiro, no Brasil, entra na lista em 33º; Le Chique em Cancun, México, chega na 34ª posição; o Gran Dabbang, de Buenos Aires, Argentina, ocupa o nº 38; o Narda Comedor, também da capital argentina, entra na lista no nº 46. A sexta nova entrada, em 49º, é o Oro, do chef Felipe Bronze também do Rio de Janeiro, Brasil, que foi homenageado com o One To Watch Award na edição do ano passado. Da capital do Chile, Santiago, o restaurante Osaka faz seu reingresso na 47ª posição.

Foram dez restaurantes brasileiros que estiveram em destaque durante a festa de premiação. A chef Manu Buffara e seu restaurante Manu (PR) recebeu o prêmio Miele One to Watch, que coloca o restaurante da capital paranaense no radar dos jurados da premiação.

Além dos restaurantes brasileiros já citados, estão na lista dos 50 melhores restaurantes da América Latina o Tuju do chef Ivan Ralston (SP) em 50º; Mocotó do chef Rodrigo Oliveira (SP) no 45º; o carioca Olympe comandado pelo chef Thomas Troisgros (RJ) em 27º; o Lasai do chef Rafa Costa e Silva (RJ) em 26º; e o Mani da chef Helena Rizzo (SP) em 12º.

Denise Rohnelt Araujo
jornalista@teste.com.br
http://meusite.com.br
Aqui ficará as informações sobre o colunista e a coluna.
Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!
Últimas de
Letras Saborosas
+ Ler mais artigos de Letras Saborosas