Por Fabiano de Cristo
Em 02/07/2019

Editorial

Cada pessoa tem um conceito diferente de riqueza, que depende dos valores e da visão de mundo de cada um. 

Riqueza é ter dinheiro para sair, passear, sair final de semana, almoçar fora... 

Ser rico é ser feliz. A maior riqueza do ser humano é a educação. 

O que eu entendo por riqueza é a pessoa feliz no amor, feliz na família, com a relação com os filhos, prá mim isso é uma grande riqueza. 

Porém tem várias formas de riqueza e caminhos para chegar lá. Tem a pessoa que fica famosa, tem a que estuda prá ficar rica, tem aqueles que ganham na mega-sena, uma pessoa rica por ter amigos, por ter uma boa família, uma boa convivência com todos na sociedade. 

Riqueza

Uma mãe pode ver riqueza na saúde e felicidade dos seus filhos, um chefe pode enxergar a riqueza no poder do cargo que ocupa, um negociante pode reconhecer riqueza no lucro que acumula, um jovem pode perceber riqueza no grupo de amigos, nas baladas de fim de semana ou no diploma que consegue ao final de um curso. Como você vê, não há um único conceito para riqueza, ele varia de pessoa para pessoa. 

De maneira geral, as pessoas associam riqueza ao acúmulo de bens. Não há nada de errado nisso. Os bens e o dinheiro nos dão a sensação de segurança. Precisamos de alimentação, moradia, saúde, educação, lazer e descanso e tudo isso tem um valor que é expresso em dinheiro. No entanto, o dinheiro não é suficiente para garantir bem-estar. Uma pessoa pode ter acesso a boas comidas e não ter uma boa saúde, alguns têm uma boa casa, mas não têm um bom ambiente familiar, outros frequentam uma boa escola e não têm boas notas nem valorizam a educação que recebem. Tão importante quanto o acúmulo de bens é a felicidade e o bem-estar. 

Qualquer que seja a sua percepção de riqueza, não há dúvida de que
ela é desejável, que esse desejo é positivo e que ela é sempre relacionada ao conceito de abundância. Conhecer qual a sua própria percepção de riqueza pode ser um fator importante para motivar seu crescimento pessoal. A riqueza é um direito seu! É a partir dela que você idealiza seus sonhos. 

Dicas legais

5 atitudes para ter mais qualidade de vida e riqueza

Durante o trabalho diário com educação financeira, tenho oportunidade de conhecer pessoas não tão famosas que conseguiram vencer a barreira da pobreza e, com muita inteligência e disposição, souberam aproveitar algumas características pessoais para mudar a própria história.

Olhando essas pessoas com calma e estudando-as de forma sistemática, percebi que existem cinco atitudes fundamentais que foram essenciais para muda-las de patamar financeiro.

1. Comece cedo a guardar dinheiro e investir
2. Aceite que seus pais podem não dar os melhores conselhos sobre finanças
3. Cuide do próprio futuro antes de pensar no futuro financeiro dos filhos
4. Aceite que é fundamental correr riscos ao longo da vida
5. Cuide sempre do seu nome, pois ele é seu maior patrimônio

Fabiano de Cristo
jornalista@teste.com.br
Cadastrar-me Enviar Comentário
Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!
Últimas de
Finanças
+ Ler mais artigos de Finanças