Por Folha Web
Em 11/03/2020

OLHOS FURADOS

Na reportagem ‘NO PARAVIANA – Empresário tem olhos furados após expulsar venezuelanos de bar’, a internauta Tyane Priscilla Mota de Araújo comentou: “Falo todo dia: mantenham distância de venezuelanos! Não contrate, não faça qualquer tipo de negócio, não ponha dentro de casa. Se quiser ajudar, é do seu portão para a rua; e ponha bastante concertina no seu muro para não pularem pra dentro. Em situações extremas, não se confia em desconhecidos, ainda mais num povo que historicamente se acha melhor e mais esperto que os outros”.

ABANDONO

“Faz quatro anos que nossa cidade está em alerta por culpa e inércia do Governo Federal que nos deixou à míngua com essa história de acolhida e se preocupar mais com refugiado que com os brasileiros aqui em Boa Vista. Se venezuelano mente até o nome para entrar no país e ainda ficar ilegal, como poderia então o governo venezuelano “falar a verdade sobre o coronavírus”? Esse empresário deveria ter se preocupado há 10 anos com o desemprego dos cidadãos que aqui moram, pais de família, pagadores de impostos que já lutavam para sobreviver, pais que fizeram de tudo para o mundo do crime não aliciarem seus filhos. O coronavírus vai chegar para todos, brasileiros, venezuelanos etc. As autoridades e esses empresários deveriam se preocupar há muitas décadas com todos que aqui estão”. Este é o comentário do leitor que se identifica Mostradanos, na matéria ‘Acolhimento a venezuelanos está em alerta’.

RELATO

O leitor que se identifica como Amim Louro disse: “Ontem eu vi esta perseguição. Já era mais ou menos 19h10 por aí. Eu seguia rumo ao Pedra Pintada. Isso antes do Monte das Oliveiras. Ia numa velocidade de +-70km, e esses dois aí caídos passaram voando do meu lado. Deu pra ver bem. O que pilotava era o de calção claro, o de calça jeans era garupa e também vi que era albergado, por causa da cor do calção amarelo. Deu a impressão de que quem estava perseguindo era um cara em outra moto, de cor escura, que seguia lado a lado deles, em alta velocidade. O homem aparentava ter uns 38/41 anos, camisa social manga longa escura. Mas fiquei confuso que o garupa olhou pro cara da moto e também pra trás. Aí fiquei confuso se era a moto ou outra pessoa que ia perseguindo eles, mas a moto ia parelha com eles. E pensei, esse aí vai morrer logo ali. Também sumiram. Quando chego em casa chega no whats, no grupo de notícias, que tinham acabado de matar os caras da moto. Foi um choque. Tinha acabado de ver os dois correndo de moto”, na matéria ‘Albergados são mortos a tiros a caminho do presídio’.

FOGO

‘PERÍODO DE ESTIAGEM - Mais de 1 mil focos de calor e incêndios são registrados em RR’ é a reportagem em que a internauta Glaize Rodrigues comentou: “Aqui no Raiar do Sol não é muito diferente. Para essas queimadas, a prefeitura deveria aumentar a fiscalização pra multar esse povo”.

Folha Web
fale@folhabv.com.br
Cadastrar-me Enviar Comentário
Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!
Últimas de
Espaço do Leitor
+ Ler mais artigos de Espaço do Leitor