Por Folha Web
Em 14/03/2020

PGE

“Entendemos que medida similar deve ser adotada à regularização fundiária RURAL para que efetivamente os mini, pequenos e médios produtores rurais tenham títulos definitivos de suas posses. Neste sentido, visando facilitar e desburocratizar o processo de regularização fundiária, foi aprovada a Lei Estadual nº 1.351, de 14.11.2019, ALTERANDO a Lei nº 976/2014, as quais, em consonância com a Medida Provisória nº 901/2019, ora em processo de aprovação no Congresso Nacional, certamente, darão segurança jurídica para que o Iteraima inicie a titulação de diversas glebas transferidas da União ao Estado em 2009. Com o título de propriedade em mãos, o produtor rural terá condição de acessar créditos de INVESTIMENTOS nos Bancos e, consequentemente, alavancar o PIB no meio rural, gerando efeitos de desenvolvimento (crescimento econômico com melhoria do padrão de vida da população) no Estado e, consequentemente, TODOS sairão ganhando: Produtor, famílias e Estado. Não é mesmo?”. Este é o comentário do leitor Adnil Barros Cavalcante, na matéria ‘PGE cria força-tarefa para desburocratizar emissão dos títulos’.

GRÃOS

Bunito é como se identifica o leitor que comentou na reportagem ‘Avicultor denuncia sumiço de grãos de depósito da Grão Norte’: “É triste saber dessa situação. Mas esse sujeito citado na reportagem é conhecido antigo em Roraima. O cabra já montou essa cooperativa para, talvez, essa finalidade. Numa operação de desdobramento, chamada "Faraó", onde foi preso, ele era um dos donos da empresa Norte Serviços LTDA., que realizava os pagamentos do funcionalismo público de Roraima e o resto da história todos já sabem. Naquela época, foram desviados R$ 31,6 milhões. Esse aí é velho companheiro do ex-governador. O povo não aprende mesmo”.

CORONAVÍRUS

O leitor que se identifica como Manuel comentou: “Parabéns a todos os envolvidos no apoio à invasão de imigrantes com seus gestos de carinho e muito amor. Conseguiram sucesso nesta etapa de desestabilização do país e do estado. Principalmente todos os envolvidos na reforma da Lei de Imigração”, na reportagem ‘Confirmado primeiro caso suspeito de Coronavírus em Roraima.

CÂMARA

“Garanto que vocês estão bem mais seguros e com mais recursos para proteção que a população. Vai eu dizer que não vou trabalhar com a justificativa o Coronavírus. Se nem a fronteira fecham! Me poupem”, comentou Rildo Lopes na reportagem ‘Deputado pede suspensão das sessões plenárias.

GREVE

Identificado apenas como Manuel, esse leitor disse: “Falta o nosso sindicato, SINTER, se mexer também. Estamos muito passivos e mais uma vez lá se vão as categorias privilegiadas furando a fila. Se é que tem nesta bagunça toda de governarem por categorias como se o preço dos alimentos saúde e educação fossem diferentes para alguns”, na matéria ‘Professores da UFRR aderem à Greve Geral da Educação’.

Folha Web
fale@folhabv.com.br
Cadastrar-me Enviar Comentário
Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!
Últimas de
Espaço do Leitor
+ Ler mais artigos de Espaço do Leitor