Por José Maria Neto
Em 09/02/2018

Saudações amigos concurseiros!

Como todos sabem, as provas da Agência DESENVOLVE (AFERR) estão se aproximando e serão realizadas pela Fundação Ajuri–Universidade Federal de Roraima.

Ao analisar as provas anteriores realizadas por essa banca, percebi que o nível das provas é considerado médio/fácil. As questões são muito parecidas com as da Fundação Carlos Chagas, com a cobrança de texto de lei e enunciados não tão complexos quanto os do Cespe. Nesse caso, não há “historinhas” ou “jurisprudência”, mas sim o famoso control+C control+V na lei. A própria prova de português costuma ter um nível inferior às do CESPE, FCC, ESAF, etc. Isso ocorre, muito provavelmente, pelo pouco know-how que esta banca tem, se limitando a aplicar provas consideradas menos complexas, sempre no âmbito do Estado de Roraima.

No caso da AJURI, é interessante que você estude utilizando a lei seca. Pelo que tenho visto, as provas realizadas por esta banca não exigem doutrina, especialmente nos concursos de nível médio. A dica agora é ler o máximo possível das leis exigidas pelo edital que, por sinal, são muitas.

Nesta reta final é indispensável que você faça bastantes exercícios e aproveite seu tempo de folga (Carnaval) para resolver questões de provas anteriores, de preferência do estilo da banca (alternativas). Busque na internet questões da FGV, FUNCAB e FUNRIO. Segue a dica e boa sorte.
Até mais.

 HUMOR 


FIQUE LIGADO

- IPER
O Instituto de Previdência do Estado de Roraima – IPER – divulgou os gabaritos preliminares de seu concurso que ocorreu no último domingo. Os gabaritos podem ser acessados na página de acompanhamento do concurso: https://cpc.uerr.edu.br/?p=2245. O resultado final será divulgado no dia 26 de março.

- SETRABES
Foram prorrogadas as inscrições para o concurso da Setrabes (Secretaria do Trabalho e Bem Estar Social). Os interessados a concorrer as 73 vagas oferecidas terão um período maior para garantir participação no certame. As inscrições podiam ser feitas até o dia 8 de fevereiro, pelo site da UERR (Universidade Estadual de Roraima). O pagamento poderá ser efetuado até o dia 16 de fevereiro.

- ASSEMBLEIA
Atenção!! A expectativa é que o edital da Assembleia seja lançado após o carnaval. Essa informação foi confirmada por uma fonte dentro da ALE/RR e também já foi anunciada há algumas semanas pelo Presidente daquela Casa Legislativa.

- NOVOS CURSOS
Fique esperto: no dia 15 de fevereiro o Meta Cursos iniciará seu preparatório para o concurso da Assembleia. No dia 19 o Meta iniciará o primeiro preparatório para OAB presencial do Estado. Se você pretende realizar esse concurso, antecipe-se e venha se preparar com a melhor equipe de Boa Vista. Não arrisque! Informações: 99901-1010.


1º Curso presencial para OAB de Roraima

#FICADICA

Você sabe o que é Mandado de Segurança?

O Mandado de Segurança é um remédio constitucional que visa resguardar Direito líquido e certo, não sendo amparado por um Habeas Corpus ou por um Habeas Data, que seja negado, ou mesmo ameaçado, por autoridade pública ou no exercício de atribuições do poder público.
A Lei Federal brasileira nº 12.016, de 7 de agosto de 2009, no seu art. 1.º determina que "Conceder-se-á mandado de segurança para proteger direito líquido e certo, não amparado por habeas corpus ou habeas data, sempre que, ilegalmente ou com abuso de poder, qualquer pessoa física ou jurídica sofrer violação ou houver justo receio de sofrê-la por parte de autoridade, seja de que categoria for e sejam quais forem as funções que exerça".

Confira, a seguir, como esse tema costuma ser cobrado em concurso:

(2014/FCC/TRT/2ª REGIÃO (SP)/Técnico Judiciário - Área Administrativa) O Mandado de Segurança Individual
a) destina-se a assegurar direitos coletivos, de partidos políticos, de organizações sindicais, de entidades de classe ou associações legalmente constituídas e em funcionamento há, pelo menos, um ano.
b) destina-se a proteger todo cidadão que se achar ameaçado de sofrer violência ou coação em sua liberdade de locomoção.
c) pode ser impetrado por qualquer cidadão, independentemente de representação por advogado com capacidade postulatória.
d) destina-se a assegurar o conhecimento de informações relativas à pessoa do impetrante, constantes de registros ou bancos de dados de entidades governamentais ou de caráter público.
e) tem, respectivamente, a finalidade jurídica de invali-dar atos de autoridade ou suprimir efeitos de omissões administrativas capazes de lesar direito individual ou coletivo, líquido e certo.

(2012/FUNCAB/MPE-RO/Técnico) O remédio constitucional concedido quando alguém sofrer ou se achar ameaçado de sofrer violência ou coação em sua liberdade de locomoção, por ilegalidade ou abuso de poder, é o:
a) mandado de segurança.
b) habeas corpus
c) mandado de injunção.
d) mandado de segurança coletivo.
e) hábeas-data.

José Maria Neto
jornalista@teste.com.br
Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!
Últimas de
Folha Cursos & Concursos
"Olá, amigos concurseiros..."
07/09/2018 às 09:10
+ Ler mais artigos de Folha Cursos & Concursos