Por Folha do Acadêmico
Em 16/03/2020

A escolha profissional e a construção da individualidade

Será verdade que a escolha da profissão é a decisão mais importante que o indivíduo realiza em toda a sua vida?

“Qual profissão quero seguir? Será que o curso que eu escolher atenderá minhas expectativas pessoais e profissionais? Será que meus familiares e amigos apoiarão minha escolha?”

Esses são alguns dos inúmeros questionamentos que surgem no momento de escolher uma profissão. Para a maioria dos jovens, o processo de escolha profissional é gerador de muitos conflitos, angústias e incertezas, uma vez que, provavelmente, passarão boa parte de suas vidas desempenhando atividades profissionais que dependerão das escolhas que fizerem. Além disso, o processo individual da escolha profissional envolve a influência, direta ou indireta, de determinantes sociais, como família, amigos e meios de comunicação de massa, que impõem valores e comportamentos, criam estereótipos e preconceitos, e se constituem, muitas vezes, como um fator de pressão.

Apesar dos múltiplos determinantes que envolvem a escolha profissional e a construção do futuro do jovem, destaca-se a responsabilidade do indivíduo enquanto sujeito singular. A escolha, apesar de determinada socialmente, é um momento e um ato do sujeito na sua singularidade, importante para a construção de sua individualidade. É um ato de coragem e responsabilidade do indivíduo que decide o que quer e o que está disposto a perder naquele momento, pois se sabe que escolhas envolvem renúncias, das quais nem sempre é fácil abrir mão.

Falando em perdas e renúncias, não podemos deixar de considerar que, normalmente, a necessidade da escolha profissional ocorre em um momento da vida em que o jovem está renunciando uma série de coisas: a adolescência. É na adolescência que o jovem vivencia o luto da infância, na qual “perde” seu corpo infantil, sua dependência em vários aspectos dos pais, sua visão de mundo e dos relacionamentos. Até então, a maioria de suas escolhas eram feitas pelos pais, pela escola, entre outras pessoas ou instituições. Escolher a profissão que deseja exercer é um dos primeiros atos realmente importantes que o adolescente tem que fazer sozinho (assim deveria ser pelo menos), pois somente ele sabe de seus desejos, preferências, habilidades e identificações.

Neste sentido, a melhor escolha é aquela realizada de maneira consciente, a partir do amplo conhecimento de si e das possibilidades profissionais oferecidas pela sociedade. Quanto mais consciente e seguro o jovem estiver com relação a sua escolha profissional, menores serão as chances de frustrações futuras na vida acadêmica e profissional.

______________________________________________________________________

O ensino através de tiras: Proposta de ensino aprendizagem

Novas demandas educacionais surgem a todo instante no cenário atual do ensino. Novas formas de linguagem e comunicação vem sendo incorporadas para facilitar o aprendizado do aluno em sala de aula. Trazer para a sala de aula elementos que se encontram integrados ao cotidiano dos alunos, é uma forma de fixar sua atenção, permitindo um melhor desenvolvimento no processo de ensino aprendizagem.

O universo das tirinhas

O Universo das Tirinhas
O Universo das Tirinhas

O ácido sulfúrico (H2SO4) é uma solução aquosa corrosiva, sendo umas das substâncias químicas mais utilizadas pela indústria. O maior consumo de ácido sulfúrico se dá na fabricação de fertilizantes, como os superfosfatos e o sulfato de amônio. É ainda utilizado nas indústrias petroquímicas, de papel, de corantes e nas baterias de automóveis).

Quanto a classificação dos ácidos, os mesmos podem ser classificados como hidrácidos (ácidos sem a presença de oxigênios em sua fórmula) e ácidos oxigenados ou oxiácidos (que contém oxigênio). Quanto a força dos ácidos oxigenados ou oxiácidos, é empregado uma tabela de classificação, que segue a relação abaixo:

Força = nº oxigênios – nº hidrogênios ácidos

Hidrogênio ácido é todo hidrogênio ligado a oxigênio. Para o H2SO4, temos Força = 4 – 2 = 2, conforme tabela abaixo, podemos classificar este ácido.

Força

nº oxigênios – nº hidrogênios ácidos

Forte

3

Forte

2

Moderado

1

Fraco

0

Assim, o ácido sulfúrico é classificado como um ácido forte, quanto a sua força, sendo este, bastante corrosivo.

As tiras têm sido utilizadas como estratégia para desenvolver conceitos das mais diversas áreas. Suas características chamam a atenção não só dos alunos, mas de todo público que tem contato com esse gênero textual.

O que o carbono disse quando foi preso?
O que o carbono disse quando foi preso?

A hibridização do carbono é o fenômeno natural que faz com que esse elemento possa realizar quatro ligações químicas, assumindo assim três estados de hibridização.

Estados de hibridização do carbono
Estados de hibridização do carbono

O carbono é capaz de formar cadeias (ligações químicas sucessíveis) com outros átomos de carbono. As cadeias carbônicas podem conter milhares de átomos de carbono ligados sucessivamente, formando assim, compostos estáveis. É o que justifica o grande número de compostos orgânicos.

Com a expansão das tics (tecnologias de informação e comunicação) e das redes sociais, esse gênero textual adentrou ao dia-a-dia dos alunos, não apenas disponibilizando uma facilidade de acesso a informação, mas também na utilização destes elementos no processo de ensino e aprendizagem.

Referência: Altino Filho, H. V.; da Silva, C. L. O projeto “ciência em tiras” como proposta interdisciplinar de ensino aprendizagem. IV Seminário Científico da Facig. Coqueiro, MG, Nov. 2018.

Wilson Botelho

WILSON BOTELHO

Professor de Química

Folha do Acadêmico
fale@folhabv.com.br
Desde: 2020-01-01
Cadastrar-me Enviar Comentário
Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!