Por Denise Rohnelt Araujo
Em 15/05/2020

ENTRADA

Olá queridos leitores!

Para quem gosta de aprender receitas, a revista Prazeres da Mesa está trazendo chefs de vários lugares do Brasil e além do bate papo, sempre com uma boa receita.

As Lives gastronômicas estão maravilhosas com vários chefs conhecidos que tem feito através das redes sociais, eles trazem dicas e receitas deliciosas.

Dêem uma olhada nos destaques do meu Instagram que sempre tem receita nova e dicas, além do passo a passo de receitas fáceis e de comida caseira.

Também tem receitas no Instagram do jornal Folha de Boa Vista.

Por favor, vamos ajudar o setor de Bares e Restaurantes nesse período de pandemia, se você trabalha no setor, é cozinheiro, garcon, mixologista, bartender, sommelier, confeiteiro, padeiro, assinem a petição AUXÍLIO PARA O SETOR DE BARES E RESTAURANTES no site www.change.org para que eles possam garantir os 6 milhões de empregos do setor durante a crise da Covid-19.

A receita de hoje é chuchu recheado com carne moída, um prato leve, saboroso e bem fácil de fazer.

E se precisarem sair de casa não esqueçam de usar a máscara, levar o álcool em gel e evitar lugares cheios. Se forem ao mercado, a dica é levar uma lista de compras, que vai facilitar e tornar a compra mais rápida. Mas se puderem FIQUEM EM CASA.

Até a próxima semana!

PRATO DO DIA

Chuchu recheado com carne moída

INGREDIENTES:

03 chuchus cortados ao meio

300g de carne moída

01 cebola pequena em cubinhos

01 ovo cozido

02 dentes de alho amassado

Cebolinha a gosto

03 colheres de molho de tomate

Sal a gosto

3 fatias de queijo mussarela cortado ao meio

MODO DE PREPARO:

Retire a casca dos chuchus, corte ao meio, retire o caroço, leve para cozinhar em água com sal até ficar al dente.

Faça o recheio fritando em pouco óleo a carne moída, depois coloque a cebola e o alho para refogar junto, acrescente o molho de tomate, um pouco de água de se precisar.

Colocar o sal, finalizar com a cebolinha e com o ovo cozido em cubinhos.

Rechear os chuchus com a carne moída, colocar o queijo mussarela e levar ao forno para gratinar em forno 200°C até derreter o queijo.

AS DICAS DA CARTILHA ELABORADA PELA ABRASEL PARA A REABERTURA COM SEGURANÇA DE BARES E RESTAURANTES

Em todo o Brasil, os empresários de bares e restaurantes estão preocupados com a retomada das atividades pós pandemia. Nada será como antes e se o setor sempre teve grande atenção com a saúde e higiene dos seus estabelecimentos, afinal isso faz parte das boas práticas de manipulação dos alimentos para evitar contaminação por vírus e bactérias. Agora terão que pensar em redobrar os cuidados de higiene além da cozinha.

Alguns vídeos de reabertura em outros países mostram um preparo desde a entrada com cabines de desinfecção, medidores de temperatura, luvas, máscaras, álcool em gel, divisórias nas mesas, são algumas medidas sugeridas no exterior.

Pensando na volta das atividades a Abrasel nacional  lançou uma cartilha com recomendações para uma reabertura segura dos estabelecimentos seguindo orientações da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) e da OMS (Organização Mundial da Saúde).

Os restaurantes e bares terão que refazer o layout das mesas. Terão que diminuir a capacidade de público e as mesas deverão estar distantes uma das outras em 2 metros, e as cadeiras deverão ter 1 metro entre elas.

Deverá ter distanciamento entre os clientes na entrada e na hora do pagamento para que não haja filas, nenhum tipo de aglomeração, deverá ter marcação no chão para o distanciamento. Não será possível ter muitas pessoas trabalhando na cozinha, deverá ter dois turnos.

Os estabelecimentos deverão privilegiar as áreas ao ar livre com ventilação natural. O álcool em gel deverá estar em lugares estratégicos para uso de todos.

Não deverão ter cardápios em papel, a opção será os cardápios digitais ou um QD Code para celular. Poderá ser também plastificado, mas deverá ser higienizado depois de cada utilização.

Os bufês a quilo que terão um grande desafio pela frente. Algumas das sugestões são: luvas de plástico descartáveis na entrada do bufê, para que os clientes se sirvam; um dispenser com álcool em gel 70% na entrada do bufê. Os alimentos no bufê devem ser cobertos com protetores salivares com fechamentos lateral e frontal. Os talheres higienizados em embalagens individuais (ou talheres descartáveis), além de manter os pratos, copos e demais utensílios protegidos. Para a fila, fazer marcações no chão com a distância de 1m entre as pessoas. Os temperos devem ser em sachês.

Teremos que ter uma mudança de mentalidade com relação à segurança total do estabelecimento, dos alimentos, dos clientes, dos funcionários e até dos fornecedores.

O manual da Abrasel é muito extenso, tem muito mais para entenderem sobre a segurança na reabertura do setor. Vejam mais informações no site 

Denise Rohnelt Araujo
jornalista@teste.com.br
http://meusite.com.br
Aqui ficará as informações sobre o colunista e a coluna.
Cadastrar-me Enviar Comentário
Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!
Últimas de
Letras Saborosas
+ Ler mais artigos de Letras Saborosas