Por Gildo Júnior
Em 06/08/2020

EDITORIAL

Terra de lendas e histórias, morada permanente do Macunaíma, seu protetor, nossa viagem de hoje é para o monte Roraima, dividi em algumas partes para que você tenha o material mais completo sobre este tema. Conheça seu mundo, conheça Roraima ao Extremo.Gildo Junior

FICA A DICA

É recomendado aos viajantes que levem sacos plásticos para que seja recolhida a sujeira produzida ao longo da viagem, inclusive os resíduos humanos. Este lixo será trazido de volta até a Comunidade Indígena de Paraitepuy, de onde será transportado para uma área pré-estabelecida pelo Inparques.

Procure por agências a Clube Native, através do contato 95 98102-0913ou pelo Instagram @clubenative.

MONTE RORAIMA, O MUNDO PERDIDO – PARTE 3

ATRAÇÕES DO MONTE

JACUZZI

Piscinas naturais de águas cristalinas, com pedrinhas no fundo, sua coloração meio esverdeada e meio dourada, mas o que me fazia pensar duas vezes em entrar é que suas águas são muiiiiito geladas, mas valeu muito a pena!

O SAPINHO PRETO – OREOPHRYNELLA QUELCHI

Oreophrynellaquelchii é uma espécie de anfíbio pertencente às família Bufonidae, endêmica da região do Monte Roraima. É um sapinho muito primitivo, que não pula, e para fugir de seus inimigos apenas fica teso e cai rolando entre as frestas das pedras.

MAVERICK STONE

O culminante é a Maverick Stone, chegando a 2.880m, nome dado em virtude de sua semelhança com o veículo de mesmo nome, fabricado pela Ford.

VALE DOS CRISTAIS

É um vale cheio de cristais pequenos no solo, e algumas pedras maiores. Sim, é muito bonito, e não, você não pode levar um cristal de souvenir para casa. O que é da montanha deve ficar na montanha.

LA VENTANA

É o mirante mais conhecido – e mais incrível – do tepuy. Dele, você avista o Kukenan, montanha vizinha ao Roraima. Como tudo lá em cima é loteria, você tem que dar a sorte de o tempo estar aberto para ter uma visão legal da paisagem. Suas chances aumentam se for bem cedinho, em torno das 7h-8h.

Se for tarde – ou der azar mesmo – é possível que as nuvens estejam cobrindo o topo, de modo que não se consegue ver nadica de nada. Já haver nuvens na parte baixa, entre as duas montanhas, me pareceu uma vantagem, pois criou aquela sensação de estar no céu (no paraíso, num sonho). (Informações obtidas pelo 7 Cantos do  Mundo)

CATEDRAL

Formação rochosa em um paredão, que dizem lembrar uma catedral (que eu não consegui visualizar muito bem). O legal deste lugar é uma cachoeira fechada em uma espécie de gruta, com pedras amareladas no solo e musgos verdinhos e fofinhos nas paredes – parece um cenário de contos de fadas.

A água é muuuuito gelada e cai com muita força na cachola, proporcionando um banho extremamente energizante. Não hesite; respire fundo e vá, te garanto que você não vai se arrepender. (Informações obtidas pelo 7 Cantos do  Mundo)

MIRANTE GUACHARO

A 5 minutos de distância do acampamento Guácharo tem um baita de um mirante para apreciar não apenas a paisagem do caminho de onde viemos (comunidade indígena Paraitepuy), mas principalmente para (pensar na morte da bezerra e) admirar um belíssimo pôr do sol.

RIO TÉK E RIO KUKENAN

Dois rios que cortam o caminho para chegar ao monte Roraima, ótimos para banhos e vale lembrar que suas águas são bemmmm geladas. Outra coisa a ressaltar é que nunca esqueça seu repelente, pois, ao sair da água enfrentará uma nuvem de borrachudos (puri-puri).

PEDRAS ANTROPOMÓRFICAS

Em todo o percurso no topo do monte Roraima, e até mesmo antes de chegar lá, é possível ver animais, robôs (do filme star wars) e até mesmo pessoas esculpidas nas pedras.

Logo ao chegar no topo do monte você já entra no Vale dos Guardiões, que é repleto de pedras com formatos de bichos, que rementem às lendas da região e há também o Vale dos Predisentes, com bustos de pedra com formato das cabeças de alguns presidentes, o mais conhecido é o Fidel Castro.

PLANTAS ENDÊMICAS

Muitas das plantas do Monte Roraima, só existem nos tepuis. A acidez orgânica contribuiu para que algumas plantas encontrassem alternativas para conseguir nutrientes, tornando-se carnívoras.

Também há densas florestas pré-históricas de samambaias, bromélias carnívoras, pelo menos 30 espécies de orquídeas belissímas e outras espécies que são a materalização da beleza e uma atração a parte para quem visita o monte.

RECOMENDAÇÕES

Alertar à empresa que você contratar referente algum tipo de restrição alimentar;

Cartão internacional de vacinação de febre amarela com 10 dias de antecedência;

Produtos de higiene pessoal biodegradáveis: sabonete, shampoo, etc;

Levar os seus medicamentos pessoais e notificar o guia da situação, inclusive sobre tipos de alergias;

Durante esse passeio não se captura, maltrata ou fere qualquer espécie animal e vegetal;

Existem animais perigosos na região, a sugestão é prudência ao se aproximar de qualquer um.

O QUE LEVAR (CHECK LIST PARA 7 DIAS)

CALÇADOS

– Tênis ou botas para trekking em bom estado de conservação e amaciados; (Lembre-se: calçado novo = bolhas!)
– Papetes ou crocs; (Não indicamos o uso de havaianas!)
– Meias para trekking: 1 para cada 2 dias.

ROUPAS

– Roupas intimas a critério pessoal;
– Biquíni/Sunga;
– 2 calças para caminhada;
– 1 ou 2 bermudas; (calças que viram bermudas são boas substitutas para bermudas)
– Camisetas de tecido dryfit: 1 unidade/2 dias; (Dê preferência para camisetas com proteção UV)
– Jaqueta impermeável e corta vento;
– Gorro e luvas;
– Roupa para dormir: 1 conjunto de roupa segunda pele + 1 conjunto de moletom. (Estas roupas serão usadas em todos os dias. É de extrema importância mantê-la limpa e seca)

CUIDADOS PESSOAIS

– Toalha de microfibra;
– Sabonete/shampoo/condicionador biodegradáveis; (Qualquer produto de base vegetal, exemplos: sabonete phebo, gramado…)
– Escova, creme e fio dental;
– Desodorante;
– Protetor solar corporal e facial;
– Papel higiênico;
– Lenço umedecido;
– Repelente contra insetos;
– Travesseiro inflável;
– Manta microfibra tamanho solteiro.

ACAMPAMENTO E UTILIDADES

– Mochila;
– Capa de chuva modelo poncho;
– Boné ou chapéu estilo legionário;
– Óculos de sol;
– Squeeze ou garrafa plástica para água; (Uso pessoal)
– Pastilha purificadoras de água; (Clor-in)
– Corda para varal;
– Saco plástico para proteger coisas externas da mochila e para lixo pessoal;
– Saco estanque ou plástico reforçado para proteger coisas dentro da mochila;
– Lanterna de cabeça;
– Pilhas extras;
– Bateria portátil para carregar celular e eletrônicos.

FARMACINHA

– Remédios para dor de cabeça, dor muscular, dor no estômago, anti-gases, enjôo, antialérgico, e etc;
– Imosec; (Uso em caso de emergência)
– Anti-inflamatório em creme ou spray para dor muscular;
– Band-aid/micropore/esparadrapo;
– Antisséptico;
– Gaze/Faixa/Tensores elásticos;
– Pomada para assaduras;
– Vaselina para evitar bolhas.

                        

       

BORA VIAJAR?

Temporada Monte Roraima 2021 aberta.Eae, vamos realizar o sonho de conhecer o Monte Roraima em 2021?Mais informações e reservas: 95 98102-0913.

Entre em contato com nossa equipe pelo e-mail roraimaextremo@gmail.com ou visite nossa Fan Page www.facebook.com/roraimaaoextremo, enviando-nos suas sugestões. Um grande abraço e até a semana que vem, com muito mais turismo e aventura aqui no seu Roraima ao Extremo.

Gildo Júnior
Desde: 2000-01-01
Cadastrar-me Enviar Comentário
Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!