JUDOCA RORAIMENSE
Aristides Júnior se prepara em Porto Alegre para Seletiva Nacional Sub-21
Nesse primeiro semestre de 2018, o judoca disputou três competições e obteve bons resultados subindo duas vezes ao pódio
Por Folha Web
Em 12/06/2018 às 00:30
Com 17 anos, o judoca compete na categoria Sub-21 (Foto: Divulgação/Atleta)

O judoca roraimense, Aristides Lucena Júnior, de 17 anos, compete pelo Sogipa, clube de judô com sede em Porto Alegre/RS. O atleta mudou-se no início do ano para capital gaúcha, onde treina até então e aguarda a realização da Seletiva Nacional na categoria Sub-21.

Nesse primeiro semestre de 2018, o judoca disputou três competições. Ficou na quinta colocação do Campeonato Brasileiro, medalhou ocupando a terceira colocação na Taça Brasil de Juniores e se consagrou campeão no Desafio Internacional Brasil vs Chile.
Ele comentou sobre a adaptação e transição do Sub-18 para o Sub-21.

“É meu primeiro ano no Sub-21, acho que fui bem, tô treinando mais forte pra Seletiva Nacional. Estou passando por uma transição de classe, não to sentindo muito, mas é diferente, uma coisa nova pra mim”, contou o judoca.

“‘Tô’ me sentindo adaptado já, os adversários são mais fortes, mas eu tenho conseguido lutar bem e o que ferrou mesmo foi o cotovelo”, completou.

Apesar do treino intensificado, o mesmo está se recuperando de dores no cotovelo e busca a mais rápida recuperação para disputar a Seletiva Nacional em dezembro, tempo suficiente para que o roraimense esteja 100%.

HISTÓRICO

Detentor da faixa marrom, o roraimense já disputou em sua carreira, os Jogos Escolares, Campeonatos Brasileiros, Sul-americanos, Pan-americanos e Mundial de Judô. Apesar da idade, atualmente o judoca compete no Sub-21 até 60kg.

Aristides conseguiu vários feitos em sua carreira, chegando até a Seleção Brasileira da modalidade e representando o país em Sulamericanos, Panamericanos e Mundiais.

Em 2016, Aristides se tornou campeão brasileiro de Judô, e de quebra o feito de ser o primeiro roraimense a conquistar a medalha de ouro da competição nacional. No Panamericano de Córdoba (ARG), trouxe para o Brasil, o título de campeão e logo depois o título sul-americano, somando títulos internacionais. Na sequência participou da seletiva nacional na Bahia, e do meeting para participar do mundial, onde venceu e foi o número 1 do ranking, e representou o país pela seleção brasileira na Turquia, Croácia e Alemanha.

Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!