PUBLICIDADE
DOMINGO DE LAZER
Atividades de lazer atraem pessoas ao Parque Anauá
Projeto visa a oferecer opções de lazer e de prática esportiva pra população
Por Folha Web
Em 02/06/2019 às 19:18
Projeto visa a oferecer opções de lazer e de prática esportiva pra população (Foto: Divulgação)

Espaço importante para práticas esportivas, atividades culturais e de lazer, o Parque Anauá recebeu na tarde deste domingo, 2, dezenas de pessoas, que acompanharam competição de cross country moto e participaram de aula de zumba, oferecida pelo Governo do Estado para servidores e para a população em geral.

Criado com a finalidade de atrair a população pra participar de atividades esportivas e culturais no Parque Anauá, o projeto Domingo no Parque é realizado em parceria pelas secretarias de Comunicação Social (Secom), do Trabalho e Bem-Estar Social (Setrabes) e Rádio Roraima. 

“É uma ação do Governo do Estado pra trazer as famílias pro Parque Anauá, que é um parque muito bonito, um dos maiores da Região Norte e precisa ser movimentado. O Domingo no Parque com a família é pra descontrair, tirar o estresse, e, é claro, se preparar pra uma semana toda de trabalho, porque o roraimense gosta de trabalhar, e pode aproveitar o domingo pra se divertir, curtir com a família, fazer um piquenique, andar de bicicleta, pular amarelinha, correr de corrida de saco e aproveitar pra fazer uma zumba”, afirmou o secretário de Comunicação, Marcos Marques.

PUBLICIDADE

As atividades começaram às 15 horas com a corrida de cross country moto, organizada pelo Clube Tribos e Trilhas, com apoio do Governo do Estado, da Prefeitura de Boa Vista e de empresas privadas. Conforme um dos organizadores, Dão Roberto, a competição é um evento solidário para ajuda no tratamento de câncer da professora Kátia Cilene.

“Este é o segundo evento solidário de outros que virão por aí. Estamos aqui pra ajudar as pessoas necessitadas. O CTT [Clube Tribos e Trilhas] está imbuído nesse propósito de ajudar. Fizemos uma competição beneficente em 2017, para ajudar no tratamento de uma jovem que tinha a doença de ossos de vidro [osteogênese imperfeita],  e agora estamos aqui pra ajudar a professora Kátia”, enfatizou.

Cerca de 50 motociclistas de várias modalidades participaram da competição, que exige perícia pra passar sobre obstáculos e velocidade. Não houve cobrança de ingressos, por se tratar de ação beneficente. O recurso a ser repassado para a professora Kátia Cilene foi adquirido nas inscrições individuais e por equipe, respectivamente R$10,00 e R$30,00, feita pelos competidores. O Clube também está realizando rifas para arrecadar recursos.

Além da satisfação de participar de uma ação solidária, os competidores receberam premiações. Vencedores do primeiro ao quinto lugar ganharam troféus. Os demais motociclistas receberam medalhas.

Praticante de motociclismo desde os 15 anos, o piloto Cereade Sousa, hoje com 26 anos, foi um dos participantes e ressaltou o caráter filantrópico da competição. “O pensamento maior aqui é ajudar a professora Kátia nessa hora em que ela realmente precisa. Todos os pilotos estão ajudando de coração. É o mínimo que podemos fazer”, disse.

Como ocorreu no domingo anterior, a zumba atraiu, no fim da tarde, pessoas interessadas em atividades físicas. Praticante há quatro meses, Andréia de Sousa, ressaltou as qualidades da zumba. “É muito bom pra gente ter mais energia, disposição. É uma atividade que reanima. Recomendo pra quem não faz que venha fazer. Estou vindo pela segunda vez. O Parque é uma área de lazer muito boa pra trazer as crianças pra brincar, e a gente ainda faz atividade física”, afirmou. 

***
Gostou?
0
0
Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!