Governo Federal amplia benefícios da poupança social digital - Folha de Boa Vista
FGTS E TRANSFERÊNCIA
Governo Federal amplia benefícios da poupança social digital
A lei ainda estabelece que o banco não cobre tarifas de manutenção da conta, e nem emita cheques pelas contas dos segurados
Por Folha Web
Em 31/10/2020 às 15:33
Todas essas transações financeiras podem ser feitas pelo aplicativo Caixa Tem (Foto: Divulgação)

A poupança social digital  foi ampliada e a partir de agora os usuários podem receber o abono salarial e o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). O cliente poderá fazer jus também a três transferências eletrônicas (TED’s) por mês, sem custos. Todas as essas transações financeiras podem ser feitas pelo aplicativo Caixa Tem, que antes só permitia ser utilizada pelos beneficiários do auxílio emergencial e do FGTS emergencial.

O presidente Jair Bolsonaro (Sem Partido) sancionou a lei sem vetos. A partir de agora a Caixa terá que emitir um cartão físico para o usuário, o que antes não estava previsto. O texto ainda estabelece que o banco não poderá cobrar tarifas de manutenção da conta, e nem emitir cheques pelas contas dos segurados.

Por meio da poupança social digital será possível receber depósitos de benefícios sociais pagos pela União, estados e municípios. Está foram somente os benefícios de natureza previdenciária, como aposentadoria e auxílio-doença.

AUTORIZAR

O cidadão interessado precisa autorizar a abertura desse tipo de conta, ou o uso de outra já existente em seu nome. A Caixa vai disponibilizar no site e no aplicativo uma ferramenta de consulta para o beneficiário.

Assim, será possível verificar se há alguma conta aberta em seu nome, através de consulta pelo CPF. Destaca-se ainda que o cliente poderá fechar ou converter em conta regular a qualquer tempo e sem custos adicionais.

VÍDEOS RECOMENDADOS
***

Quer o site da FolhaBV com menos anúncios?

Um jornalismo profissional com identificação e compromisso com o regional que fiscaliza o poder público, combate o autoritarismo e a corrupção, veicula notícias interessantes, faz contraponto à intolerância das redes sociais e traça uma linha clara entre verdade e mentira. São mais de 50 reportagens todo dia. Quanto custa ajudar a produzir esse conteúdo?

ASSINE A FOLHABV
Gostou?
0
0
Cadastrar-me Enviar Comentário
Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!