Internos do CSE passam por cursos e oficinas de capacitação - Folha de Boa Vista
RESSOCIALIZAÇÃO
Internos do CSE passam por cursos e oficinas de capacitação
Os cursos ofertados terão certificado de conclusão, que tem carga horária de 10 horas a 30 horas, para os internos
Por Folha Web
Em 23/07/2021 às 09:59
Os adolescentes fizeram cursos presenciais e à distância (Foto: Divulgação)

Adolescentes infratores que cumprem medidas socioeducativas no Centro Sócio Educativo Homero de Souza Cruz Filho (CSE) estão participando ao longo do ano de cursos e oficinas em modalidade de ensino a distância e presencial.

Os cursos ofertados deram certificado de conclusão de curso que tem carga horária de 10 horas a 30 horas, para os internos. Alguns dos cursos foram ministrados presencialmente na instituição e outros fora.

O diretor do CSE, Sheine Castro, destacou que o intuito é proporcionar a ressocialização dos adolescentes. “Mesmo com a pandemia, o Centro Socioeducativo representando não parou com as atividades pedagógicas básicas e necessárias, e está executando cursos profissionalizantes on-line aos adolescentes, pois o propósito do cumprimento da medida é proporcionar a ressocialização, e com profissionalização” apontou.

A Secretária da Setrabes, Tânia Soares, frisou que a importância de oferecer esses cursos para os internos. “A Setrabes considera de suma importância os adolescentes, que cumprem medida socioeducativa se profissionalizarem, podendo proporcionar um próspero futuro a si mesmo e para a sua família, podendo assim ter a passagem pelo Centro como um aprendizado de vida” completou a secretária.

CURSOS e OFICINAS

Entre os cursos que os adolescentes recebem, estão:  Introdução a informática; Introdução a primeiros socorros; Combate a Violência Doméstica; Atendente de Farmácia, entre outros.

VÍDEOS RECOMENDADOS
***

Quer o site da FolhaBV com menos anúncios?

Um jornalismo profissional com identificação e compromisso com o regional que fiscaliza o poder público, combate o autoritarismo e a corrupção, veicula notícias interessantes, faz contraponto à intolerância das redes sociais e traça uma linha clara entre verdade e mentira. São mais de 50 reportagens todo dia. Quanto custa ajudar a produzir esse conteúdo?

ASSINE A FOLHABV
Gostou?
0
0
Cadastrar-me Enviar Comentário
Não existem comentários. Seja o primeiro a comentar!