PUBLICIDADE
GREVE GERAL
Juiz federal proíbe bloqueio de portões da UFRR
Helder Girão Barreto também autorizou o auxílio de força policial, caso seja necessário. A decisão atende a um pedido da Advocacia-Geral da União (AGU)
Por Minervaldo Lopes
Em 13/06/2019 às 10:02
Juiz Federal determinou que centrais sindicais se abstenham de fechar portões da UFRR durante a greve de amanhã (Foto: Diane Sampaio/Folha BV)

*Matéria Atualização às 10h34

O juiz Federal Helder Girão Barreto determinou que as centrais sindicais se abstenham de realizar o bloqueio dos portões da Universidade Federal de Roraima (UFRR) em razão da greve geral que as categorias vão deflagrar nesta sexta-feira, dia 14. A decisão atende um pedido protocolado pela Procuradoria Federal Especializada da Advocacia-Geral da União (AGU).

“A Fundação Universidade Federal de Roraima (UFRR) tem sido alvo constante de manifestações dos réus e de grupos de pessoas liderados por esses. Ocorre que não se tratam apenas de manifestações pacíficas e ordeiras, mas de verdadeira afronta ao direito constitucional de ir e vir, de acadêmicos , servidores e do público em geral que frequenta as dependências dos Campus da UFRR, direito assegurado pelo inciso XV, do artigo 5º da Constituição Federal”, ressaltou trecho da decisão.

PUBLICIDADE

Segundo o magistrado, a interrupção de um único dia de funcionamento da unidade implicaria em desperdício do recurso público, que não mais se recuperaria. As aulas eventualmente interrompidas devem ser repostas em outros horários, implicando em replicação de despesas já realizadas.

“Diante do exposto, defiro liminar para determina à Seção Sindical dos Docentes da UFRR (SESDUF), o Diretório Central dos Estudantes da UFRR, a Frente Sindical, Popular e de Lutas de Roraima e terceiros não identificados que se abstenham de ocupar os prédios, impedir ou dificultar o acesso aos acadêmicos, sob pena de R$ 1 mil e desocupação compulsória, além prejuízo de responsabilização cível e penal”, completou.

O juiz autorizou ainda o auxílio de força policial (Polícia Militar e Polícia Rodoviária Federal), caso seja necessário.

A matéria completa você confere na Folha Impressa desta sexta-feira, dia 14.   

***
Gostou?
61
5
Formiguinha disse: Em 13/06/2019 às 11:12:56

"Muito bem!! Parabéns ao juiz Federal Helder Girão Barreto. Nem todos querem participar dessa baderna... nem indiretamente!"

Maria Elisabete Lira do Amaral disse: Em 13/06/2019 às 20:16:18

"Isso não é manifestação e sim politicalha! "

Maria Elisabete Lira do Amaral disse: Em 14/06/2019 às 08:09:17

"Perfeito!"

Augusto Borneo disse: Em 13/06/2019 às 10:43:14

"perfeito!"