Mais de 120 detentos já foram beneficiados com visitas virtuais - Folha de Boa Vista
FAMÍLIA EM REDE
Mais de 120 detentos já foram beneficiados com visitas virtuais
Defensoria Pública é responsável por acompanhar e auxiliar nas transmissões entre detentos e familiares
Por Folha Web
Em 27/08/2021 às 06:00
 As visitas são realizadas desde o mês de maio de 2021 (Foto: Ascom/DPERR)

As visitas virtuais realizadas pela Defensoria Pública do Estado de Roraima (DPE-RR), com a finalidade de promover a aproximação entre reeducandos e familiares, já contemplou 124 presos da Penitenciária Agrícola de Roraima (Pamc).

As visitas virtuais nada mais é do que um projeto que já recebeu 507 solicitações de cadastro de detentos do regime fechado e semiaberto, sem direito à progressão de regime ou saídas temporárias no ano de 2021. Desse total, 383 presos estão no aguardo das visitas, que tiveram início na Semana da Defensora e Defensor Público, em maio deste ano. 124 reeducandos já foram atendidos.

O procedimento inicial de cadastro é feito pelo familiar de 1º grau  do preso junto a DPE-RR. No dia agendado o familiar recebe o link para a viodechamada. Na Pamc, o reeducando é encaminhado até uma sala reservada exclusivamente para o contato com o familiar através da internet.

A equipe da DPE é responsável por acompanhar e auxiliar nas transmissões dos detentos com os familiares. As visitas são uma forma de tornar a relação dos detentos com os entes queridos mais próxima, pois devido à pandemia do novo coronavírus os vínculos afetivos foram distanciados. O projeto é realizado às quartas-feiras na PAMC, salvo feriados do calendário do Tribunal de Justiça de Roraima (TJRR).

Conforme a defensora pública Anna Elize Amaral, todas as quarta-feira, entre 20 a 30 pessoas são atendidas. "O projeto tem sido de grande valia tanto para os assistidos quanto para seus familiares, que estavam há mais de um ano sem contato, devido à pandemia do novo coronavírus. Não temos prazo para terminar. Mesmo quando as visitas presenciais retornarem, pretendemos mantê-lo, pois muitos familiares não têm condições de se deslocarem para a unidade prisional", disse.

As visitas virtuais são de iniciativa da Execução Penal (VEP) da DPE-RR, como também do Tribunal de Justiça, Direção da Penitenciária Agrícola de Roraima (PAMC), Promotoria de Execução Penal e Força-Tarefa de Intervenção Penitenciária (FTIP).

SOBRE AS VISITAS – Somente familiares de 1º grau e cônjuges/companheiras dos reeducandos do regime fechado e semiaberto sem direito à progressão de regime ou saídas temporárias no ano de 2021 podem se cadastrar para participar do projeto. Os familiares interessados devem realizar o cadastramento por meio do WhatsApp (95) 98104-2068 nos horários de 8h a 12h.

VÍDEOS RECOMENDADOS
***

Quer o site da FolhaBV com menos anúncios?

Um jornalismo profissional com identificação e compromisso com o regional que fiscaliza o poder público, combate o autoritarismo e a corrupção, veicula notícias interessantes, faz contraponto à intolerância das redes sociais e traça uma linha clara entre verdade e mentira. São mais de 50 reportagens todo dia. Quanto custa ajudar a produzir esse conteúdo?

ASSINE A FOLHABV
Gostou?
1
0
Cadastrar-me Enviar Comentário
Manuel disse: Em 14/10/2021 às 08:43:07

"Só falta fazem qlgo de bom para justificar tantos benefícios."