Mais de 35 mil venezuelanos foram interiorizados em dois anos - Folha de Boa Vista
OPERAÇÃO ACOLHIDA
Mais de 35 mil venezuelanos foram interiorizados em dois anos
Só nos meses de janeiro a março deste ano, foram interiorizadas 8.319 pessoas
Por Dina Vieira
Em 27/04/2020 às 11:15
De acordo com o relatório, 530 cidades brasileiras receberam imigrantes por meio da interiorização (Foto: Nizete Franco/FolhaBV)

Desde abril de 2018, o processo de interiorização promovido pela Operação Acolhida, já levou 35.519 imigrantes venezuelanos, de Roraima para outros estados do país. Só nos meses de janeiro a março deste ano, foram interiorizadas 8.319 pessoas.

Os dados fazem parte do relatório da Operação que trata sobre deslocamento assistido de venezuelanos.

De acordo com o relatório, 530 cidades brasileiras receberam imigrantes por meio da interiorização, e as que mais receberam essas pessoas foram, Manaus, São Paulo, Dourados, Curitiba e Porto Alegre.

A maioria dos imigrantes interiorizados é homens maiores de 18 anos, representando 36%. Ainda de acordo com o relatório, a maioria dos imigrantes que segue para outros estados fica inicialmente em abrigos. Apenas 12% saem de Roraima, por meio da interiorização, com vagas de empregos asseguradas.

Imigrantes recebem treinamento para trabalhar em empresa no sul do país (Foto: Divulgação)

Segundo o comandante da Operação Acolhida, general Antônio Manoel de Barros, o número de interiorizações tem superado a meta, mesmo durante a pandemia.

“Até o momento, o mês de abril está com 1006 migrantes interiorizados. E a meta para este mês, tendo em vista o cenário da covid-19, foi estimada em 1000 interiorizações. No dia 11 de abril, foram interiorizados 54 venezuelanos pela modalidade de vagas de emprego, sinalizadas para a cidade de Araucária no Paraná. Atualmente eles estão recebendo treinamento para trabalhar como motoristas em uma transportadora que foi o agente acolhedor”, acrescentou.

VÍDEOS RECOMENDADOS
***

Quer o site da FolhaBV com menos anúncios?

Um jornalismo profissional com identificação e compromisso com o regional que fiscaliza o poder público, combate o autoritarismo e a corrupção, veicula notícias interessantes, faz contraponto à intolerância das redes sociais e traça uma linha clara entre verdade e mentira. São mais de 50 reportagens todo dia. Quanto custa ajudar a produzir esse conteúdo?

ASSINE A FOLHABV
Gostou?
0
2
Cadastrar-me Enviar Comentário
Manuel disse: Em 29/04/2020 às 12:21:34

"Falta de responsabilidade.... Infiltrar pessoas sem critério algum de saúde, segurança. Não levaram em conta a evasão de divisas, de empregos, de vagas até nos presídios. E continuam ai se vangloriando com este crime de lesa a patria."

Damiao disse: Em 27/04/2020 às 12:06:31

"Esse dinheiro poderia ter sido investido nos brasileiros. Que precisar do TFD."